Cotidiano

Vigilância investiga descoberta de caudas de animais mutiladas em Assunção

Dos cinco sacos encontrados, foram coletadas amostras para análise e identificação das espécies de animais

Marcos Morandi Publicado em 01/09/2021, às 06h49

Fiscal sanitário esteve no local após denúncia anônima
Fiscal sanitário esteve no local após denúncia anônima - Divulgação

Depois de receber uma denúncia sobre a descoberta de uma bolsa que continha uma grande quantidade de caudas de animais mutiladas, a Direção Nacional de Defesa Animal do Paraguai iniciou uma investigação para determinar quais espécies estão envolvidas e em que situação ocorreu o incidente.

As caudas dos animais ainda não identificados foram encontradas no Bairro Jara, na capital paraguaia. No local, o órgão coletou amostras, que foram levadas ao laboratório de Ciências Patológicas da Faculdade de Ciências Veterinárias da Universidade Nacional de Assunção (UNA) para identificar a quais espécies correspondem.

A ministra da Diretoria de Defesa Animal, Teresita Álvarez, em entrevista ao ABC Color, comentou que o caso está sendo investigado pela instituição. “Saímos da Faculdade de Ciências Veterinárias da Universidade Nacional de Assunção, no Departamento de Patologia, para a sua correta identificação”, disse.

A Direção Nacional de Defesa Animal do Paraguai também solicitou a colaboração da polícia e de vizinhos que dispõem de circuito TV para disponibilizar as imagens que possam ajudar a encontrar quem deixou os cinco sacos com as caudas de animais mutiladas.

Jornal Midiamax