Cotidiano

Sidrolândia decide pelo retorno híbrido dos alunos do 6º ao 9º ano a partir de 15 de junho

Alunos menores, do 1º ao 5º ano continuam sem ir às escolas

Gabriel Maymone Publicado em 20/05/2021, às 13h10

Salas poderão ter somente 50% da capacidade
Salas poderão ter somente 50% da capacidade - Arquivo / Midiamax

Alunos do 6º ao 9º ano do Ensino Fundmental da rede municipal de Sidrolândia, a 67 km de Campo Grande, irão retornar com as aulas no formato híbrido a partir do próximo dia 15 de junho. A decisão se deu após reunião na quarta-feira (19) entre a Secretaria de Educação e o MPMS (Ministério Público de Mato Grosso do Sul).

Na reunião, foi discutida a possibilidade dos alunos menores retornarem também, mas a ideia foi recusada pelo fato de que as crianças mais novas não conseguiriam seguir à risca todos os protocolos de segurança como o uso de máscara e o distanciamento.

Assim, o retorno dos alunos do 6º ao 9º ano será da seguinte forma: as turmas serão divididas de modo que só 50% dos alunos estejam presentes. Um grupo terá aulas presenciais na 1ª e 3ª semana e o outro, na 2ª e 4ª do mês. 

Profissionais da educação do município passaram por treinamento e a prefeitura adquiriu equipamentos de segurança pessoal aos servidores. Também, cada aluno receberá três máscaras e os professores usarão protetores faciais.

Um dos fatores que possibilitou a medida foi o avanço da vacinação nos profissionais da educação do município. Conforme informação dada pela prefeita Vanda Cristina Camilo (Progressistas) ao Jornal Midiamax, falta vacinar cerca de 800 profissionais do município para concluir a imunização neste grupo.

Jornal Midiamax