Cotidiano

Na bandeira cinza, Dourados contraria o Estado e decreta reabertura do comércio

Bares e Restaurantes também foram autorizados a reabrir exercendo medidas de biossegurança

Gabriel Neves Publicado em 12/06/2021, às 16h18

Novas medidas passam a valer a partir de domingo.
Novas medidas passam a valer a partir de domingo. - (Foto: Divulgação)

A prefeitura de Dourados, por meio do decreto nº 419, autorizou a reabertura das atividades comerciais e restaurantes a partir deste domingo (13). O município enfrentou um lockdown de 14 dias, que teve inicio no dia 30 de maio.

Conforme o documento, além das atividades essenciais, restaurantes, lanchonetes, cafés, padarias, bares, conveniências e lojas de médio e grande porte poderão continuar com as atividades seguindo normas de biossegurança.

No caso dos restaurantes e bares, o estabelecimento deverá implantar espaçamento mínimo de 2 metros entre as mesas e máximo de quatro cadeiras em cada uma delas, à exceção de quando se tratar de membros de uma mesma família, comprovadamente.

Lojas de médio e grande porte deverão disponibilizar álcool 70%, aferir a temperatura de seus clientes na entrada, respeitar a ocupação máxima de 50% da lotação e outros.

A medida, que começa a valer neste domingo (13), vai de encontro ao decreto estadual que veda qualquer tipo de atividade não essencial nos municípios classificados como bandeira cinza pelo Prosseguir (Programa de Saúde e Segurança da Economia).

Será levado em consideração, no caso de comércios e restaurantes, apenas o horário de funcionamento, que como pede o Prosseguir, não poderá ocorrer das 20:00 às 05:00, horário do toque de recolher.

O decreto entra em vigor no dia 13 de junho de 2021, com vigência prevista até 24 de junho de 2021. Confira o decreto completo aqui.

Jornal Midiamax