Cotidiano

Em semana com geada, proprietário deixa égua e filhote doentes ao relento em MS

Animais foram encontrados caídos e não havia sequer água no local

Mylena Rocha Publicado em 04/07/2021, às 13h09 - Atualizado às 13h14

None
Divulgação/PMA

Um proprietário rural foi multado em R$ 6 mil por maus-tratos a uma égua e filhote em Amambai, a 352 km de Campo Grande. Os equinos estavam sem cuidados há cerca de três dias e expostos a intempéries. Nesta semana, Mato Grosso do Sul registrou frio intenso e houve geada na cidade.  

Conforme informações da PMA (Polícia Militar Ambiental), os animais foram encontrados caídos ao terreno em meio à grama e não havia água disponível. Quando os policiais estiveram no local, o filhote já estava morto. 

A égua estava agonizante e, então, os policiais solicitaram ajuda de um médico veterinário, porém, pouco tempo depois ela morreu. Segundo o médico veterinário, os bichos morreram de tétano, devido à falta de tratamento e cuidados.

O proprietário dos equinos disse que não sabia da situação dos bichos porque há três dias não ia à propriedade. Ele foi autuado administrativamente e foi multado em R$ 6 mil por maus tratos. O autuado também responderá por crime ambiental de maus-tratos, com pena de três meses a um ano de detenção.

Jornal Midiamax