Cotidiano

Confira o ranking: Interior de MS supera meta da vacinação contra Covid-19

MS já começou a vacinar os grupos de risco contra o coronavírus. Assim, algumas cidades do Estado já ultrapassaram a meta de vacinação.

Dândara Genelhú Publicado em 02/02/2021, às 14h54 - Atualizado às 15h55

 (Foto: Leonardo de França, Midiamax)
(Foto: Leonardo de França, Midiamax) - (Foto: Leonardo de França, Midiamax)

Assim como em todo o Brasil, Mato Grosso do Sul já começou a vacinar os grupos de risco contra o coronavírus. Assim, algumas cidades do Estado já ultrapassaram a meta de vacinação. Este é o caso de Taquarussu, que imunizou 105% do público esperado na primeira faze.

De acordo com o portal Mais Saúde, disponibilizado pela SES (Secretaria de Estado de Saúde), o município a 329 km de Campo Grande já vacinou 88 pessoas. O estimado eram 84 na primeira fase, mas Taquarussu recebeu 128 doses.

No Vacinômetro, são considerados como meta 90% da população do município. Assim, a segunda colocada do ranking é Jaraguari, com 89,99% de doses aplicadas. É previsto que a gestão municipal imunize 103 pessoas na primeira fase e foram recebidas 195 doses da vacina.

Então, em terceiro lugar está Brasilândia, com 88,76% de doses aplicadas, das previstas no cronograma. Com isso, o município que deve vacinar 267 pessoas, já imunizou 237. Foram recebidas 454 vacinas na cidade.

Município% de vacinadosMetaDoses aplicadas
Doses recebidas
Taquarussu105,018488128
Jaraguari89,8810393195
Brasilândia88,76267237454
Dois Irmãos do Buriti85,21.571.3383.327
Bataiporã83,99179150314
Mundo Novo81,03334271540
Bodoquena80,88176142245
Sete Quedas79,73248198448
Fátima do Sul78,77419330677
Pedro Gomes77,26186144298

No geral, MS já vacinou 40,79% da população estimada. Ou seja, das 113.148 pessoas que compõe os 90% da meta, 46.152 já receberam a primeira dose da vacina.

Assim, foram vacinados 26.400 trabalhadores da Saúde que fazem parte da linha de frente, 1.534 idosos que vivem em asilos, 160 pessoas com deficiência institucionalizados, 18.058 indígenas que moram em aldeias.

Jornal Midiamax