Cotidiano

Com 857 casos novos e 56 mortes em 24h, MS soma 6.683 óbitos por coronavírus

Média móvel, taxa de contágio e internações têm aumentado no Estado

Mylena Rocha Publicado em 28/05/2021, às 11h04

Estado registrou 56 novas mortes, sendo 21 em Campo Grande.
Estado registrou 56 novas mortes, sendo 21 em Campo Grande. - Foto Ilustrativa/Henrique Arakaki

Mato Grosso do Sul já soma 284.159 casos confirmados de Covid-19, com 857 novos registros nesta sexta-feira (28). Foram registradas mais 56 mortes, conforme boletim epidemiológico do novo coronavírus, apresentado pela SES (Secretaria de Estado de Saúde). 

A SES chamou a atenção durante a live desta sexta (28) para o avanço dos casos e também para a superlotação nos hospitais de Mato Grosso do Sul. O secretário Geraldo Resende frisou que a taxa de contágio tem aumentado e o Estado está prestes a atingir recorde em internações. O recorde até então foi registrado no dia 2 abril, quando MS chegou a 1,3 mil internados. 

Com relação à quantidade de casos registrados nesta sexta (28), Resende disse que os números não refletem a realidade. O número é considerado baixo, já que MS tem uma média móvel acima de 1,5 mil casos diários. O secretário afirma que isso pode ter acontecido porque municípios não encerraram casos. 

Com os novos óbitos, o total de vítimas fatais em MS chega a 6.683 mortes desde o início da pandemia. As novas mortes foram registradas nas seguintes cidades: Campo Grande (21), Ponta Porã (3), Amambai (2), Aquidauana (2), Bonito (2), Chapadão do Sul (2), Corumbá (2), Fátima do Sul (2), Três Lagoas (2), Anastácio (1), Antônio João (1), Bataguassu (1), Bodoquena (1), Brasilândia (1), Caarapó (1), Costa Rica (1), Coxim (1), Ivinhema (1), Jardim (1), Maracaju (1), Mundo Novo (1), Naviraí (1), Nova Andradina (1), Ribas do Rio Pardo (1), Rio Verde de Mato Grosso (1), Sidrolândia (1) e Vicentina (1).

O boletim epidemiológico também destacou que MS já contabiliza um total de 826.197 casos notificados, dos quais 530.925 foram descartados. Há 2.407 testes em análise no Lacen (Laboratório Central de Saúde Pública) e 8.706 casos sem encerramento pelos municípios.

Os novos casos trazem Campo Grande à frente, com 277 novos casos, seguida por Dourados (112), Corumbá (52), Três Lagoas (40), São Gabriel do Oeste (37), Bataguassu (35), Ivinhema (27), Ponta Porã (26), Maracaju (24), Naviraí (23), Rio Brilhante (22), Mundo Novo (20), entre outros. Confira o boletim aqui. 

Internações em MS

De 284.159 casos confirmados em MS, 258.228 pacientes se recuperaram. Em relação às internações, MS tem 1.263 pacientes internados. Destes, 760 estão em leitos clínicos (564 públicos e 169 privados) e 503 em leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva), dos quais 375 estão em leitos públicos e 128 em privados.

A taxa de ocupação de leitos de UTI públicos global nas 4 macrorregiões de MS é de: 100% em Campo Grande, 95% em Dourados, 97% em Três Lagoas e 100% em Corumbá.

Jornal Midiamax