Cotidiano

Chuva na fronteira acaba com últimos focos de incêndio em Cerro Corá

Queimadas atingiram mais de 70% da Reserva florestal e ponto histórico em homenagem aos heróis da Guerra do Paraguai

Marcos Morandi Publicado em 27/08/2021, às 10h02

Incêndio no Parque Cerro Corá mobilizou bombeiros do Paraguai e também do Brasil
Incêndio no Parque Cerro Corá mobilizou bombeiros do Paraguai e também do Brasil - Midimax/Arquivo

A chuva que caiu nesta quinta-feira (26) em toda a região de fronteira ajudou a apagar os últimos focos do incêndio que destruiu mais de 70 por cento do Parque Nacional de Cerro Corá entre as cidades de Pedro Juan Caballero e Yby Jaú.

Segundo dados meteorológicos, a precipitação foi de cerca de 10 milímetros, mas o suficiente para apagar as últimas chamas que avançavam em várias regiões, inclusive no Chaco paraguaio.

Conforme foi noticiado pelo Midiamax em diversas reportagens, durante mais de uma semana o Corpo de Bombeiros, Voluntários do Departamento de Amambay e de outros departamentos e voluntários lutaram contra as chamas que consumiram extensas áreas de matas, pastagens e plantações, matando centenas de animais silvestres, ovinos e bovinos da região.

Durante o trabalho de combate ao incêndio florestal, os bombeiros e voluntários receberam a ajuda da população fronteiriça — com a doação de água, hidratantes, gomas de mascar e balas, colírios e até combustíveis, além de alimentação — e da Universidade Central do Paraguai (UCP), que disponibilizou três unidades móveis de resgate e equipes de urgência e emergência que fizeram centenas de atendimentos médicos.

Jornal Midiamax