Cotidiano

Caravana da Saúde será retomada em parceria com hospitais públicos e privados

Lançamento oficial ocorre às 14h30, na Assomasul

Renata Volpe Publicado em 02/12/2021, às 07h24

Antes realizadas em carreta, cirurgias devem ser feitas nos hospitais, em nova etapa do mutirão
Antes realizadas em carreta, cirurgias devem ser feitas nos hospitais, em nova etapa do mutirão - Arquivo, Assessoria, Divulgação

O lançamento oficial da Caravana da Saúde acontece durante a tarde desta quinta-feira (2) e a nova etapa será realizada em parceria com hospitais públicos e privados para acelerar a realização de exames de diagnóstico e cirurgias eletivas. 

A cerimônia de lançamento da Caravana será realizada às 14h na sede da Assomasul (Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul), em Campo Grande. E os procedimentos médicos já começam a ser feitos na próxima sexta-feira (3).

Em novo formato, a Caravana da Saúde está dividida em duas modalidades: Opera MS e Examina MS. Conforme já contratualizado com a SES (Secretaria de Estado de Saúde), 39 hospitais em 34 municípios vão realizar 94 tipos de procedimentos cirúrgicos e 66 tipos de exames de média e alta complexidade. 

Segundo informações do governo estadual, ao todo, vão ser feitas 68.618 cirurgias e 33.002 exames como ressonâncias, tomografias, ultrassons, colonoscopia e endoscopia, tudo no período de 13 meses. Os pacientes que serão atendidos nesta nova etapa do programa já estão agendados, conforme as filas da regulação. Serão investidos na Caravana R$ 120 milhões.

Sanesul

Além do lançamento da Caravana, também nesta quinta-feira (2), o governador Reinaldo Azambuja (PSDB) entrega 151 veículos para a Sanesul (Empresa de Saneamento de Mato Grosso do Sul) e assina ordem de início de serviço para a reforma e readequação da Casa do Pantanal — espaço localizado no parque das Nações Indígenas onde será instalado o Espaço Sanesul, com atendimento ao público, museu, biblioteca, auditório, sala de oficina, cafeteria e demais ambientes.

Aberto ao público, o evento será realizado às 9h30 no Portal Guarani do Parque das Nações Indígenas, na entrada próxima à Fundtur (Fundação de Turismo de Mato Grosso do Sul), nos altos da Avenida Afonso Pena.

Ao todo, serão entregues 87 Pick-ups, 57 motos e 7 caminhões caçamba à empresa, em um investimento em qualidade operacional de R$ 10,1 milhões. Os veículos vão integrar a operação dos sistemas de água. Assim, os funcionários poderão exercer o serviço com mais qualidade, dar uma resposta mais rápida para o cidadão e ter uma logística mais eficiente.

Já a reforma da Casa do Pantanal, pensada desde 2019, será realizada pela empresa com recursos próprios de R$ 830 mil.

Jornal Midiamax