Cotidiano

Cândido Mariano já começou a executar as mais de 800 cirurgias eletivas de convênio com a Prefeitura

Ao todo, 820 procedimentos devem ser realizados, sendo 80 cirurgias pediátricas, 200 laqueaduras, 180 histerectomias, 60 histeroscopia e 300 procedimentos ginecológicos

Lucas Mamédio Publicado em 07/12/2021, às 16h41

None
(Foto: Divulgação)

Para tentar atender a demanda represada causada pela pandemia, mais de 800 procedimentos eletivos, entre cirurgias e exames ginecológicos e pediátricos, serão realizados nos próximos 12 meses em Campo Grande, apor meio da parceria entre a Secretaria Municipal de Saúde (Sesau) e a Maternidade Cândido Mariano. 

Segundo o médico Daniel Gonçalves de Miranda, presidente da Maternidade Cândido Mariano, as histeroscopias ginecológicas já começaram a ser realizadas e a expectativa é ampliar os atendimentos nas próximas semanas .

“Optamos por iniciar estes procedimentos em específico, mas a nossa intenção e avançar o mais breve possível nas cirurgias para desafogar um pouco a fila e atender estes pacientes que estão há algum tempo aguardando “, diz.

Ao todo, 820 procedimentos devem ser realizados, sendo 80 cirurgias pediátricas, 200 laqueaduras, 180 histerectomias, 60 histeroscopia e 300 procedimentos ginecológicos não invasivos, além dos atendimentos já pactuados em contrato com o hospital. O Município está destinando um aporte de R$940 mil ao hospital.

Jornal Midiamax