Cotidiano

Campo Grande e mais quatro municípios de MS ficam entre os mais secos do País

Índices ficaram abaixo dos 30%, quando recomendado pela OMS é de, pelo menos, 60%

Jones Mário Publicado em 25/04/2021, às 09h57

Aldeia Urbana Marçal de Souza, em Campo Grande
Aldeia Urbana Marçal de Souza, em Campo Grande - Leonardo de França/Arquivo Midiamax

A baixa umidade relativa do ar registrada colocou cinco municípios de Mato Grosso do Sul entre os 20 mais secos do País, neste sábado (24). Os índices ficaram abaixo dos 30%, quando o ideal recomendado pela OMS (Organização Mundial de Saúde) é de entre 60% e 80%.

Segundo o Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia), Costa Rica bateu 21% e foi a quinta cidade do ranking nacional de menores umidades do ar detectadas ontem. Três Lagoas foi outra que entrou na lista, com índice de 24%.

Campo Grande, Cassilândia e Coxim registraram umidade de 26% e também figuraram entre as recordistas do Brasil. O município mais seco do País neste sábado foi Alto Paraíso de Goiás (GO), com apenas 10%.

Em casos de umidade abaixo dos 30%, o Inmet recomenda ingestão de muito líquido e evitar desgaste físico e exposição ao sol nas horas mais quentes do dia. Problemas causados pelo tempo seco podem ser relatados ao Corpo de Bombeiros (telefone 193) e à Defesa Civil (199).

Jornal Midiamax