Cotidiano

Após reportagens, Acervo Histórico de Campo Grande vai mudar de local

A situação precária da atual sede vem sendo tema de reportagens pelo Jornal Midiamax desde 2018, quando foi relatado vários problemas

Lucas Mamédio Publicado em 03/09/2021, às 16h04

Atual sede, na Rua Pedro Celestino
Atual sede, na Rua Pedro Celestino - (Foto: Divulgação)

A Prefeitura de Campo Grande anunciou que vai mudar de local a sede do Arquivo Histórico de Campo Grande (Arca)

. Atualmente na Rua Pedro Celestino, onde ficou por 13 anos, a nova sede será instalada na Rua Brasil, N° 464, Bairro São Francisco.

A situação precária da atual sede vem sendo tema de reportagens pelo Jornal Midiamax desde 2018, quando foi mostrado a fragilidade do sistema elétrico, da estrutura do prédio e do abandono do próprio arquivo histórico.

Na época, até gerente de Patrimônio da Sectur (Secretaria de Cultura e Turismo), Lenilde Ramos, admitiu a necessidade de mudar o acervo de lugar. Segundo ela, a parte elétrica seria apenas um dos fatores de inadequação, já que o prédio atual também impediria, por exemplo, a expansão do acervo.

“Quando assumimos [a Sectur], encontramos o Arca num estado de abandono total. Estamos cientes dos riscos e já obtivemos aval para alugar um prédio que pudesse comportar esses materiais temporariamente”

De acordo com o secretário municipal de Cultura e Turismo, Max Freitas, a mudança será realizada em etapas. “Devido ao volume de documentos, tipologia, condições físicas, entre outros, realizaremos essa mudança de sede aos poucos”, afirma ele.

Ao todo, serão 639,58 m² de espaço, contendo dois andares e garagem privativa. A Arca passará a dispor de maiores espaços para a acomodação dos arquivos e para a manutenção dos mesmos.

Jornal Midiamax