Cotidiano

Radialista em MS, ex vice-prefeito de cidade paulista morre aos 51 anos

Daniel Alves, 51 anos, radialista em Nova Andradina, a 297 quilômetros de Campo Grande, ex vice-prefeito da cidade paulista Alvares Machado, morreu no início da madrugada desta segunda-feira (31), após sofrer um infarto. Daniel estava internado no Hospital Regional em Nova Andradina. O corpo será transladado para sepultamento na cidade em que nasceu, Taciba (SP). […]

Dayene Paz Publicado em 31/08/2020, às 09h27 - Atualizado às 09h32

Radialista em MS já foi vice-prefeito em cidade de SP. Imagem: Divulgação
Radialista em MS já foi vice-prefeito em cidade de SP. Imagem: Divulgação - Radialista em MS já foi vice-prefeito em cidade de SP. Imagem: Divulgação

Daniel Alves, 51 anos, radialista em Nova Andradina, a 297 quilômetros de Campo Grande, ex vice-prefeito da cidade paulista Alvares Machado, morreu no início da madrugada desta segunda-feira (31), após sofrer um infarto.

Daniel estava internado no Hospital Regional em Nova Andradina. O corpo será transladado para sepultamento na cidade em que nasceu, Taciba (SP).

Daniel era petista e na cidade de Nova Andradina foi candidato a deputado estadual tendo 497 votos na última eleição e também no pleito passado, disputando como candidato a vereador, obteve 176 votos, sendo terceiro suplente do partido.

De acordo com o Jornal da Nova, antes de fixar residência em Mato Grosso do Sul, foi vice-prefeito da cidade paulista Alvares Machado entre 1997 a 2000 e candidato a deputado estadual em 2002 naquele Estado.

Como radialista Daniel passou pela antiga Rádio Cacique e estava afastado da Rádio Miragem FM para disputar as eleições municipais deste ano.

Jornal Midiamax