Cotidiano

OAB-MS tem dois afastados por Covid-19 e funcionários temem contaminação

Funcionários da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-MS) em Campo Grande estão apreensivos após o vice-presidente, Gervásio Alves de Oliveira Júnior, testar positivo para Covid-19. A entidade informa que, no dia 26 de maio, Gervásio foi informado de que um cliente com quem havia se encontrado dias antes estava com coronavírus. Mesmo sem sintomas, o […]

Gabriel Maymone Publicado em 01/06/2020, às 16h54 - Atualizado em 02/06/2020, às 08h09

Vice-presidente da OAB-MS testou positivo para Covid-19. (Imagem: Divulgação/OAB)
Vice-presidente da OAB-MS testou positivo para Covid-19. (Imagem: Divulgação/OAB) - Vice-presidente da OAB-MS testou positivo para Covid-19. (Imagem: Divulgação/OAB)

Funcionários da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-MS) em Campo Grande estão apreensivos após o vice-presidente, Gervásio Alves de Oliveira Júnior, testar positivo para Covid-19.

A entidade informa que, no dia 26 de maio, Gervásio foi informado de que um cliente com quem havia se encontrado dias antes estava com coronavírus. Mesmo sem sintomas, o vice-presidente decidiu fazer o teste.  Ainda conforme a nota, com a confirmação, Gervásio iniciou isolamento social e sua secretária foi afastada. Conforme a assessoria de imprensa da entidade, nenhum deles apresentou sintomas.

Funcionários entraram em contato com o Jornal Midiamax para relatar preocupação após a confirmação do vice-presidente. Em resposta, a OAB-MS afirma que nenhum outro diretor ou funcionário que teve contato com Gervásio apresentou sintomas relativos à doença.  A entidade afirma que segue todas as exigências de segurança recomendadas pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

Jornal Midiamax