Cotidiano

Mesmo com 10 mortes e pessoas na UTI, bares continuam lotados em cidade de MS

A população em Chapadão do Sul, a 330 quilômetros de Campo Grande, continua ignorando as medidas de biossegurança na cidade, que já contabiliza 10 mortes pelo novo coronavírus e duas pessoas internadas em leito de UTI (Unidade de Terapia Intensiva). Alguns locais tem mais de 100 pessoas aglomeradas, o que desperta a preocupação das autoridades. […]

Dayene Paz Publicado em 17/09/2020, às 07h02 - Atualizado às 07h05

Pessoas continuam se aglomerando na cidade. Imagem: O Correio News
Pessoas continuam se aglomerando na cidade. Imagem: O Correio News - Pessoas continuam se aglomerando na cidade. Imagem: O Correio News

A população em Chapadão do Sul, a 330 quilômetros de Campo Grande, continua ignorando as medidas de biossegurança na cidade, que já contabiliza 10 mortes pelo novo coronavírus e duas pessoas internadas em leito de UTI (Unidade de Terapia Intensiva).

Alguns locais tem mais de 100 pessoas aglomeradas, o que desperta a preocupação das autoridades. No entanto, de acordo com O Correio News, não há nenhuma campanha e vigilância mais agressiva para evitar as aglomerações.

Chapadão do Sul tem 698 casos confirmados de coronavírus. No hospital, seis pessoas estão internadas, sendo duas na UTI. São dez mortes confirmadas pela doença.

Nos primeiros três dias da semana já foram registrados 39 casos positivos. 41 pessoas aguardam o resultado, 189 casos são monitorados e 90 em tratamento.

Jornal Midiamax