Cotidiano

Com estoque de três tipos sanguíneos abaixo dos 10%, Hemosul convoca doadores

O número de doações de sangue caiu em Campo Grande, com isso os estoques do Hemosul (Hemocentro de Coordenador de Mato Grosso do Sul) estão abaixo dos 10% para as tipagens O, A e B, situação considerada de emergência. Segundo a gerente de relações públicas do Hemosul Mayra Franceschi, a única tipagem com estoque bom […]

Ana Paula Chuva Publicado em 17/07/2020, às 10h36 - Atualizado às 10h37

(Foto: Divulgação/ Hemosul)
(Foto: Divulgação/ Hemosul) - (Foto: Divulgação/ Hemosul)

O número de doações de sangue caiu em Campo Grande, com isso os estoques do Hemosul (Hemocentro de Coordenador de Mato Grosso do Sul) estão abaixo dos 10% para as tipagens O, A e B, situação considerada de emergência.

Segundo a gerente de relações públicas do Hemosul Mayra Franceschi, a única tipagem com estoque bom é a AB, mas todas as doações são bem-vindas.

“Não podemos ter aglomerações (por causa da pandemia de coronavírus). Por isso organizamos as pessoas para respeitarmos todas as normas de segurança”, disse.

É importante lembrar que todos os hospitais, sejam públicos ou privados, no Estado são atendidos pelo Hemosul e o agendamento da doação pode ser feita por telefone ou por demanda espontânea no local.

Em Campo Grande o Hemosul está localizado na Avenida Fernando Correa da Costa, 1.304. Nesta sexta-feira (17) o atendimento vai até às 17h e no sábado (18) será das 7h às 12h.

Para agendar a doação, em Campo Grande, basta ligar nos telefones: (67) 3312-1516, 3312-1529 e ou no WhatsApp 99298-6316. Nas unidades do interior endereços e telefones estão disponíveis aqui.

Para doar é necessário levar documento oficial com foto, estar bem alimentado, ter mais de 55 quilos e possuir idade entre 16 e 69 anos. Critérios para a doação de sangue em Mato Grosso do Sul podem ser conferidos direto na página do Hemosul.

Jornal Midiamax