Cotidiano

Apenas Hospital do Pênfigo disponibiliza leitos ao Município em chamamento público

Após o chamamento público feito pela Prefeitura Municipal nesta quarta-feira (15), convocando os hospitais particulares de Campo Grande para discutir sobre leitos clínicos, apenas o Hospital do Pênfigo compareceu em reunião. A reunião foi realizada na Diretoria-Geral de Compras e Licitação às 13h30. Conforme a Sesau (Secretaria Municipal de Saúde), o hospital disponibilizou 15 l...

Mariane Chianezi Publicado em 16/07/2020, às 17h53 - Atualizado às 18h46

(Leonardo de França, Midiamax)
(Leonardo de França, Midiamax) - (Leonardo de França, Midiamax)

Após o chamamento público feito pela Prefeitura Municipal nesta quarta-feira (15), convocando os hospitais particulares de Campo Grande para discutir sobre leitos clínicos, apenas o Hospital do Pênfigo compareceu em reunião. A reunião foi realizada na Diretoria-Geral de Compras e Licitação às 13h30.

Conforme a Sesau (Secretaria Municipal de Saúde), o hospital disponibilizou 15 leitos para pacientes da rede pública que não estiverem contaminados com a Covid-19, o novo coronavírus. Serão 10 leitos clínicos e cinco de UTIs (Unidade de Terapia Intensiva) para pacientes ‘não-Covid’.

Os leitos são para desafogar e aliviar os leitos de UTI do HRMS (Hospital Regional de Mato Grosso do Sul) em Campo Grande, referência no tratamento de pacientes com o coronavírus.

Chamamento Público

Edição extra do Diário Oficial de Campo Grande publicada na tarde desta quarta-feira (15) convocou representantes dos hospitais particulares do município para discutir a capacidade de internação em leitos clínicos e de UTIs, tendo em vista o avanço do coronavírus (Covid-19).

A reunião técnica visou a tratar da contratação de leitos adultos e dos serviços necessários a pacientes, envolvendo desde as quantidades disponíveis, para ampliação do volume de vagas contratado –que totalizou R$ 6,88 milhões até agora. Trata-se de mais um esforço a fim de se evitar o colapso na Saúde da cidade com o crescimento dos casos de Covid-19.

Na tarde da quarta-feira, a Sesau (Secretaria Municipal de Saúde) confirmou que Campo Grande já registrou, desde o início da pandemia, 5.181 casos positivos de coronavírus, com 2.855 pacientes recuperados, 1.832 em isolamento domiciliar, 48 mortes e 150 pacientes internados (77 em leitos clínicos, 70 em UTI e 3 aguardando vaga no Pronto-Atendimento Médico). Em 24 horas, houve um acréscimo de 275 casos na cidade.

Jornal Midiamax