Cotidiano

Governo projeta que em 2 anos Três Lagoas terá 100% de tratamento de esgoto

O Governo do Estado avalia que em 2 anos a cidade de Três Lagoas – a 326 km de Campo Grande – vai ter 100% de coleta e tratamento de esgoto. Nesta quinta-feira (30) o governador Reinaldo Azambuja (PSDB) entregou obras de saneamento na região no valor de R$ 74 milhões. De acordo com Azambuja, […]

Daiany Albuquerque Publicado em 30/05/2019, às 12h15

Governador assinou contrato de loteamento popular (Foto: Saul Schramm/Subcom)
Governador assinou contrato de loteamento popular (Foto: Saul Schramm/Subcom) - Governador assinou contrato de loteamento popular (Foto: Saul Schramm/Subcom)

O Governo do Estado avalia que em 2 anos a cidade de Três Lagoas – a 326 km de Campo Grande – vai ter 100% de coleta e tratamento de esgoto. Nesta quinta-feira (30) o governador Reinaldo Azambuja (PSDB) entregou obras de saneamento na região no valor de R$ 74 milhões.

De acordo com Azambuja, o governo investiu R$ 40,434 milhões em obras de preservação, tratamento, captação e melhoria da distribuição de água. E mais R$ 34 milhões de investimentos para “levar Três Lagoas em poucos anos a universalizar coleta e tratamento”.

“A cada R$ 1 que você investe a gente economiza R$ 5 na saúde. Isso é muito importante para a qualidade de vida”, declarou Reinaldo, durante a agenda na manhã desta quinta-feira.

Casas populares

Além do investimento em saneamento, o governador também assinou contrato com 146 famílias que vão realizar o sonho da casa própria no loteamento Jardim das Primaveras.

As casas são construídas por meio de mutirão, em uma parceria entre Governo do Estado e Prefeitura de Três Lagoas. O investimento do governo na construção das bases das casas no loteamento Jardim das Primaveras é de R$ 1,382 milhão. Já a prefeitura doou o terreno.

Com a assinatura dos contratos, os mutuários darão início à construção das moradias, seguindo o projeto arquitetônico e as orientações técnicas da Agehab (Agência Estadual de Habitação) e da prefeitura. De acordo com a presidente da Agehab, Maria do Carmo Avesani Lopez, o Governo do Estado já entregou 1.500 lotes urbanizados e está em fase de contratação de mais 500. (Com assessoria)

Jornal Midiamax