Cotidiano

Com estoques em baixa, Hemosul convoca doadores de sangue do tipo ‘O Negativo’

Na Capital, doações podem ser feitas apenas na sede da entidade

Guilherme Cavalcante Publicado em 21/02/2018, às 13h36

None

Na Capital, doações podem ser feitas apenas na sede da entidade

O Hemosul convoca doadores de sangue do tipo ‘O Negativo’ para reabastecerem os estoques do banco de sangue. Segundo o órgão, manter reservas desse tipo sanguíneo é fundamental, já que quando não é possível conferir a tipagem sanguínea de uma vítima de acidente grave, por exemplo, o tipo O Negativo é utilizado, já que é compatível com todos os outros tipos sanguíneos.

Com estoques em baixa, Hemosul convoca doadores de sangue do tipo 'O Negativo'

Doenças que impedem a doação: doenças hematológicas, cardíacas, renais, pulmonares, hepáticas, autoimunes, diabetes, hipertireoidismo, hanseníase, tuberculose, câncer, sangramentos anormais, convulsões, ou portadores de doenças infecciosas transmissíveis pelo sangue como Doença de Chagas, Hepatite, AIDS, Sífilis. Se estiver com gripe ou alergia deve esperar sete dias após sarar para doar sangue.

Para doar sangue é necessário estar bem alimentado, mas é fundamental evitar alimentos com excesso de gordura no dia da doação.

Onde doar

Na Capital, as doações podem ser feitas de segunda a sexta-feira, das 7h às 17h, e, aos sábados, das 7h às 12h. O Hemosul fica na Avenida Fernando Corrêa da Costa, 1304, centro. Na Santa Casa de Campo Grande, o posto de coleta está temporariamente desativado.

As doações ainda podem ser feitas no HRMS (Hospital Regional de Mato Grosso do Sul), das 7h às 12h – a partir das 11h, o doador j´[a precisa ter almoçado. O HRMS fica localizado na rua Engenheiro Lutherio Lopes, 36, bairro Aero Rancho. Informações pelo telefone (67) 3378-2678.

Jornal Midiamax