Cotidiano

Táxis anunciam desconto de até 30% para enfrentar Uber, ‘quando cliente pedir’

Com novos alvarás e promoção, concorrência esquenta em Campo Grande

Midiamax Publicado em 06/04/2017, às 13h47

None
taxi.jpg

Com novos alvarás e promoção, concorrência esquenta em Campo Grande

Para enfrentar a concorrência da Uber e a consequente queda no número de viagens diárias, os taxistas vão poder oferecer 30% de desconto nas viagens. Apesar de visar à recuperação do mercado, o motorista é quem vai decidir o abatimento, e o passageiro vai precisar pechinchar.

Ficou estabelecido que a promoção de preços por quilômetro rodado ficará a critério de cada taxista, ou seja, apesar de poder baixar os preços, esta será uma opção do motorista do táxi. “Se cliente for pegar táxi direto no ponto, tem que perguntar se taxista dará o desconto e quanto”, avisou Bernardo Quartir, presidente do Sintaxi (Sindicato dos Taxistas). 

Os preços praticados pelos taxistas da Capital na bandeira 1 é de de R$ 2,80 o quilômetro rodado, e com o desconto reduziria para R$ 1,96. Na condição da bandeira 2, que custa R$ 3,20, o preço cairia para R$ 2,24. A chamada atualmente é de R$ 4,50, com exceção do aeroporto, onde é cobrado R$ 8,75. 

A campanha começou nesta quinta-feira, após decreto do prefeito Marquinhos Trad, mas adesão ainda não foi especulada. Além da promoção para tentar recuperar o mercado, o município a gestão municipal autorizou a criação de 217 alvarás de táxi – depois de três anos sem novas permissões.

A campanha de descontos foi aderida por taxistas de todo o país, mas diferentemente de outras cidades, em Campo Grande, o passageiro terá que pedir ao motorista o abatimento da viagem, antes de dar início a corrida. Mas na prática, é o taxista que vai decidir se oferece o desconto, ou não. 

No caso da cidade de São Paulo – que possui a maior frota de táxis – os motoristas que aderiram à campanha colocaram um adesivo escrito "Táxi-SP: 30% OFF", de cor amarela e letras vermelhas, no para-brisa do veículo. Na Capital paulista, a promoção é voltada para taxistas que trabalham em postos de atendimento, como ponto de taxi ou supermercado, ou circulam pelas ruas sem auxílio de aplicativos de passageiros. 

Jornal Midiamax