Cotidiano

Policiais acampam em frente à Governadoria contra ‘reajuste zero’

Os profissionais dizem que não saem até governo dialogar

Midiamax Publicado em 07/06/2017, às 17h12

None

Os profissionais dizem que não saem até governo dialogar

Cerca de 30 policiais civis começaram, nesta quarta-feira (7), um acampamento em frente à sede da Governadoria, no Parque dos Poderes em Campo Grande. Com tendas e estrutura organizada, eles prometem ficar no local até que o governo resolva dialogar. O ‘protesto pacífico’ é uma reação ao já declarada ‘reajuste zero’ do governo de Mato Grosso do Sul para os servidores estaduais.

Presidente do Sinpol-MS (Sindicato dos policiais civis de Mato Grosso do Sul), Giancarlo Miranda explicou que toda a categoria foi convocada. Com a presença de policiais do interior do Estado, cerca de 4 mil pessoas foram chamadas para participar. São 3 tendas e até banheiros químicos improvisados no local. Uma viatura da Polícia Militar monitora o acampamento.

Policiais acampam em frente à Governadoria contra ‘reajuste zero’

Além do reajuste com reposição inflacionária, os policiais civis e diversos servidores estaduais reivindicam melhorias na carreira. A entrega de 115 viaturas na 4ª fase programa ‘MS mais Seguro’ também foi criticada pelo presidente do Sinpol, que afirma que a questão é ‘alardeada’ mas que os profissionais não são valorizadas.

“O governador prometeu e não cumpriu”, comentou, sobre uma reivindicação que de acordo com ele, vem desde 2005. “O governo está fazendo muito alarde com a entrega das viaturas. Mas MS mais seguro começa com profissionais valorizados”.

Jornal Midiamax