Cotidiano

Funcionários do Marfrig recebem alta após atendimento

Eles foram encaminhados após vazamento de gás na unidade

Ana Paula Chuva Publicado em 08/02/2017, às 20h55

None
marfrig_1.jpg

Eles foram encaminhados após vazamento de gás na unidade

Os 21 funcionários que foram socorridos e encaminhados para o Pronto Socorro, após o vazamento de amônia no frigorífico Marfrig, em Bataguassu, receberam alta logos após atendimento.

A equipe do Jornal Midiamax, entrou em contato com a unidade de saúde, que informou que nenhum dos trabalhadores estava em estado grave e após atendimento foram liberados. 

O acidente

Com o rompimento da tubulação de gás, um vazamento de amônia se espalhou pela empresa e fez com que 21 funcionários do Marfrig de Bataguassu precisassem de socorro, no inicio da tarde desta quarta-feira (8). Eles foram encaminhados para o Pronto Socorro da cidade.

Outros problemas

Em janeiro de 2012, quatro pessoas morreram após vazamento de gás sulfídrico no curtume da unidade da Marfrig em Bataguassu, durante o descarregamento do ácido em um caminhão. O produto era usado para retirada de pelos do couro do gado. No total 22 funcionários foram envolvidos, mas quatro morreram na hora, três foram internados e os outros 15 receberam alta no dia seguinte ao incidente. 

Em outubro de 2016, o vazamento de amônia em uma das salas de resfriamento do frigorífico fez com que uma funcionária precisasse ser socorrida e encaminhada para o Pronto Socorro Municipal em uma ambulância do próprio frigorífico. 

Jornal Midiamax