Cotidiano

Funcionários da Mega Serv reclamam de atraso no pagamento dos salários

Terceirizados trabalham em postos de saúde

Wendy Tonhati Publicado em 10/01/2017, às 13h19

None
mega_serv_0_0.jpg

Terceirizados trabalham em postos de saúde

Os funcionários da empresa Mega Serv – terceirizada responsável pela limpeza dos postos de saúde Campo Grande- reclamam de atraso no pagamento dos salários. A falta de pagamento é confirmada pelo sindicato que representa a categoria, o Steac-MS (Sindicato dos Trabalhadores nas Empresas de Asseio e Conservação). 

De acordo com o vice-presidente do sindicato, Tom Jean Ramalho, a empresa informou que está trabalhando para cumprir o pagamento ainda nesta semana. “Estamos acompanhando essa situação, mas está ligada ao momento da Prefeitura. A empresa está aguardando posicionamento [da Prefeitura] que está analisando os contratos não só com ela [Mega Serv], mas, com os outros prestadores”, explica. 

A situação não conta com a compreensão dos dos trabalhadores que possuem diversas contas a pagar. “A Mega Serv disse que pagar lá para o dia 20. Quem vai pagar as nossas contas, porque o quinto dia útil já passou”, reclama uma funcionária. “Como vamos comer e sustentar a família? Eu  sou pai e mãe. Não tenho nada para colocar na panela”, diz outra funcionária. 

'Raio-x' das contas municipais

A equipe do prefeito Marquinhos Trad (PSD) prepara um 'raio-x' das contas municipais, por meio de análise de contratos, licitações, pessoal e readequações administrativas – as medidas foram anunciadas nesta segunda-feira (9). 

Marquinhos assegurou que nenhum serviço será suspenso e que a Prefeitura “não está se negando a pagar as contas”. O prefeito determinou que todas as secretarias, fundações e autarquias, promovam a ‘reavaliação das licitações em curso, bem como dos contratos firmados até 31 de dezembro de 2016’, cujas notas de empenho ou execução não tenham sido formalizadas.

Jornal Midiamax