Cotidiano

Entre as 10 maiores de MS, tem cidade com 1 médico para 2,3 mil habitantes

Sidrolândia está no topo do ranking

Maisse Cunha Publicado em 14/12/2017, às 19h23

None

Sidrolândia está no topo do ranking

​Entre as 10 maiores cidades de Mato Grosso do Sul, Sidrolândia é a que possui menos profissionais médicos, se comparado ao número de habitantes. O levantamento foi realizado pelo Ministério Público Estadual (MPE) e reunido na cartilha digital MPSocial e conforme a OMS (Organização Mundial da Saúde), o recomendado é ao menos um médico para cada 1 mil habitantes. 

O município, que abriga 54.575 cidadãos, segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), conta com 1 médico para cada 2.373 habitantes. Dos 23 profissionais, há 18 clínicos gerais, nenhum ginecologista obstetra e apenas 4 pediatras para atender a demanda de todo município, que conta com 44 leitos, sendo 39 de internação e 5 complementares.

Na sequência, conforme o levantamento, está a cidade de Ponta Porã, a quinta maior cidade em número de habitantes. O município concentra 78 profissionais, a maioria clínicos gerais, o que representa 1 profissional para cada 1.149 habitantes.

A terceira cidade com menor número de profissionais é Maracaju, região sudoeste do estado, que conta com 1 médico para cada 1.607 habitantes. Ao todo, o município emprega 28 profissionais, sendo 21 clínicos gerais, 1 ginecologistas obstetras, 2 pediatras e outros 4 médicos de outras especialidades.

Entre as 10 maiores de MS, tem cidade com 1 médico para 2,3 mil habitantes

Campo Grande está em último lugar na lista das 10 maiores cidades. A capital conta com 1 profissional para cada 319 dos 874.210 habitantes. 2.741 profissionais atuam nas 556 unidades de atendimento aqui existentes, sendo 792 clínicos gerais, 126 ginecologistas obstetras, 240 pediatras, 19 profissionais de medicina intensiva, 39 nefrologistas, além de 1.525 profissionais de outras áreas.

Confira a lista completa: 

1º Sidrolândia

Número total de profissionais: 23

Número de habitantes por médico: 2.373

Número de leitos: 44

Número de unidades de saúde: 32

2º Ponta Porã

Número total de profissionais: 78

Número de habitantes por médico: 1.149

Número de leitos: 157

Número de unidades de saúde: 49

3º Maracaju

Número total de profissionais: 28

Número de habitantes por médico: 1.607

Número de leitos: 52

Número de unidades de saúde: 32

4º Naviraí

Número total de profissionais: 53

Número de habitantes por médico: 1.004

Número de leitos: 95

Número de unidades de saúde: 49

5º Nova Andradina

Número total de profissionais: 61

Número de habitantes por médico: 863

Número de leitos: 131

Número de unidades de saúde: 39

6º Corumbá

Número total de profissionais: 137

Número de habitantes por médico: 802

Número de leitos: 195

Número de unidades de saúde: 106

7º Três Lagoas

Número total de profissionais: 573

Número de habitantes por médico: 573

Número de leitos: 230

Número de unidades de saúde: 10

8º Aquidauana

Número total de profissionais: 98

Número de habitantes por médico: 485

Número de leitos: 166

Número de unidades de saúde: 57

9º Dourados

Número total de profissionais: 636

Número de habitantes por médico: 343

Número de leitos: 727

Número de unidades de saúde: 156

10º Campo Grande

Número total de profissionais: 2.741

Número de habitantes por médico: 319

Número de leitos: 2.631

Número de unidades de saúde: 556

Jornal Midiamax