Cotidiano

Candidato da oposição defende sindicância e mudança na imagem do Crea-MS

Ele defende readequação no Plano de Cargos e Carreiras  

Midiamax Publicado em 13/12/2017, às 13h23

None

Ele defende readequação no Plano de Cargos e Carreiras

Em campanha para a presidência do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Mato Grosso do Sul, o engenheiro civil Marco Antônio Paulino Maia já percorreu 7 mil quilômetros e 37 municípios defendendo mudanças profundas no Crea-MS.

Ele promete fazer uma sindicância no órgão e criar um disque-denúncia para fiscalização de obras sem engenheiro responsável. “Quando isso acontece, você deixa de empregar um profissional e coloca em risco a obra”, disse.

Outros compromissos de Marco Maia são: readequar o Plano de Cargo e Carreiras do Crea-MS, retomar a imagem institucional do Conselho e criar um espaço adequado de atendimento para os engenheiros.

Marco Maia defende ainda uma presença maior do Crea/MS diante de entidades e classes políticas. “O Crea-MS não tem visibilidade institucional com órgãos públicos federais, com federações das indústrias, não tem representação em nenhuma comissão na Assembleia Legislativa para discutir o piso da categoria”.

Ele prometeu ainda abrir as portas da instituição para receber empreiteiras, profissionais, jovens desempregados.

Com quatro chapas inscritas, a eleição do Crea-MS será no dia 15 de dezembro, das 9h às 19h.

Jornal Midiamax