Cotidiano

Professores se reúnem na Fetems e aguardam conversa com Bernal

Reunião com prefeito deve ocorrer ainda hoje

Midiamax Publicado em 04/05/2016, às 11h16

None
img-20160502-wa0033.jpg

Reunião com prefeito deve ocorrer ainda hoje

O impasse entre professores da Reme (Rede Municipal de Educação) e a Prefeitura de Campo Grande continua. O presidente da da ACP (Sindicato Campo-grandense dos Profissionais da Educação Pública), Lucílio Souza Nobre, afirma que a categoria aguarda uma reunião com o chefe do Executivo municipal, Alcides Bernal (PP).

Segundo o presidente do Sindicato, na noite dessa terça-feira (3), o secretário municipal de governo e vereador cassado, Paulo Pedra, se comprometeu a agendar uma reunião com o prefeito. A expectativa é de que o diálogo ocorra nesta quarta-feira (4).

Nesta manhã, aproximadamente 400 professores que aderiram a greve, iniciada na última segunda-feira (2), se reunirão na sede da Fetems (Federação dos Trabalhadores em Educação de Mato Grosso do Sul), onde devem discutir ações sindicais.

Ontem, a categoria apresentou as reivindicações na Câmara de Vereadores e pediu para que os parlamentares rejeitem o Projeto de Lei encaminhado pelo prefeito ao Executivo. No documento, Bernal reconhece a necessidade do cumprimento da Lei 5.411/2014, mas não define cronograma de cumprimento do reajuste. 

O prefeito alega não ter condições de conceder aumento acima de 2.79% por conta da  a lei eleitoral, a categoria, por sua vez, defende que não se trata de reajuste anual e sim de cumprimento da lei sobre o piso salarial. Os professores pedem o cumprimento dos 11,36, reivindicados em 2015 e dos 13,01, referentes a este ano.

Jornal Midiamax