Cotidiano

Prefeito abre reunião com Sisem após chute e trio elétrico no Paço

Tabosa diz ter levado chute de guarda

Evelin Cáceres Publicado em 07/04/2016, às 14h34

None
img-20160407-wa0157.jpg

Tabosa diz ter levado chute de guarda

Após manifesto dos servidores municipais na frente da Prefeitura de Campo Grande pelo reajuste salarial, o prefeito Alcides Bernal convocou uma reunião aberta para esta quinta-feira (7) com o Sisem (Sindicato dos Servidores Municipais de Campo Grande). Durante o manifesto, o presidente do Sindicato, Marcos Tabosa, acabou levando um chute de um guarda municipal.

Os servidores chegaram ao Paço por volta das 10h20 desta quinta. De acordo com Palmir Cleverson Franco, do Sisem, dez minutos depois começou a confusão.

“A assessoria da Prefeitura veio chamar o Tabosa para conversar e pediu para que a gente não usasse o microfone e nem fizesse muito barulho para não atrapalhar os servidores do Paço. Depois, voltaram falando que o Tabosa pediu que três servidores aleatórios subissem junto. Mas o Marcos veio aqui e disse que não era verdade”.

Revoltados, os servidores começaram a empurrar as portas da Prefeitura, mas foram contidos pelos próprios colegas.

A assessoria da Prefeitura nega que o guarda tenha chutado Tabosa. Ele mesmo disse não saber se foi intencional. “Vão falar que ele tropeçou em mim, né? Mas no calor do momento essas coisas acontecem. Eu não sei dizer se foi proposital”.

Um trio elétrico foi levado para o manifesto, mas após o pedido da Prefeitura foi retirado do local. Os manifestantes permanecem no Paço aguardando o resultado da reunião. O prefeito Alcides Bernal chegou por volta das 11h15 para conversar com a categoria.

Jornal Midiamax