Cotidiano

Instituto faz operação para ‘salvar’ filhotes de arara

Corpo de Bombeiros foi acionado para ajudar

Ana Paula Chuva Publicado em 20/09/2016, às 17h50

None
unnamed.jpg

Corpo de Bombeiros foi acionado para ajudar

Uma operação para eliminar o risco de acidente no local de reprodução da arara-canindé será realizada na manhã desta quarta-feira (21) pela Instituto Arara Azul. Os dois ninhos situados na região do Parque Linear do Segredo, passarão por um manejo diferente, serão retiradas as cintas metálicas que ligam duas palmeiras, abrigo de dois filhotes da espécie. As aves tem aproximadamente uma semana de vida e pesam 50 gramas.

De acordo com informações do Instituto Arara Azul, o acessório metálico com cerca de 10 quilos foi instalado pelo poder público para auxiliar o crescimento das palmeiras que foram levadas para a região há alguns anos. “As árvores acabaram secando, o que atraiu as araras. Porém, com o desgaste causado pelo tempo e os fenômenos naturais, a parte superior dos troncos ficou oca o que aumenta as chances de rompimento há qualquer momento”, disse Neiva Guedes, bióloga, presidente do Instituto.

“Tal acidente provocaria a queda da cinta metálica, podendo matar as aves e causar um dano à população que trafega no local”, concluiu.

O caminhão do Corpo de Bombeiros levantará os biólogos do instituto até o ninho para retirada dos filhotes que passarão por avaliação de saúde, serão pesados e medidos no local. Após isso, as palmaeira receberão o manejo ambiental para garantir a segurança dos animais.

A ação contará com a ajuda do Corpo de Bombeiros, Exército, Semadur (Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano), Prefeitura e a Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito) para organizar o trânsito no local. 

Jornal Midiamax