Cotidiano

‘Papai Noel’ contradiz Bernal e é flagrado tapando buracos em Campo Grande

Leitor flagrou cidadão tentando amenizar problema com buracos

Wendy Tonhati Publicado em 26/11/2015, às 15h31

None
capa_1.jpg

Leitor flagrou cidadão tentando amenizar problema com buracos

Enquanto o prefeito Alcides Bernal (PP) desconfia que pessoas estariam usando picaretas para abrir buracos no asfalto de Campo Grande durante a madrugada, um idoso com cara de Papai Noel, foi flagrado por leitor do Jornal Midiamax, tapando grandes buracos na Rua do Franco, na Vila Carlota, em Campo Grande. De acordo com o assistente de atendimento Joaquim Pedro Neto, os buracos estão na via há muito tempo. "Já faz tempo que tem estes buracos e já teve acidente", diz. 

No vídeo feito, nesta  quinta-feira (26), o leitor explica que estava a caminho do serviço quando presenciou a cena. "Um cidadão tampando os buracos com a sua própria força de vontade", diz ele no vídeo. O cidadão é um senhor já idade, com uma longa barba branca e vestindo uma camiseta branca com uma camisa vermelha por cima.

No vídeo Joaquim Pedro questiona o senhor: "Tampando os buraquinhos da rua?". Ele responde: "Dando uma ajeitada". Conforme o leitor, a cratera foi tampada com terra e pedras.

Tapa-buracos

A 'buracolândia' vem causando transtornos aos moradores de Campo Grande há um bom tempo. No dia 11 deste mês, a Prefeitura de Campo Grande lançou o plano de recuperação das ruas. De acordo com o prefeito Alcides Bernal (PP), os trabalhos vão começar pelas principais vias que ligam os bairros ao Centro da Capital. Foram citadas pelo prefeito, 2.800 quilômetros de ruas e avenidas que precisam passar pelo tapa-buracos, entre elas, Coronel Antonino, Mascarenhas de Moraes, Cônsul Assaf Trad, Tamandaré, Júlio de Castilho e Salgado Filho. 

Na manhã de quarta-feira (25), Bernal chegou a dizer que foi informado de que durante anoite, pessoas estariam dando 'picaretadas' no asfalto para "causar problemas". A afirmação causou desconfiança nos campo-grandenses e muitos duvidaram da possibilidade. 

Jornal Midiamax