Cotidiano

Idosa procura irmã desaparecida há 35 anos

De acordo com a família, irmãs não se vêem desde 1980

Midiamax Publicado em 20/02/2015, às 16h45

None
img-20150219-wa0167.jpg

De acordo com a família, irmãs não se vêem desde 1980

Uma idosa de 68 anos que mora em Dourados, a 225 quilômetros de Campo Grande, está à procura da sua irmã. De acordo com o marido de Rizolina dos Anjos Lopes, Oraci Lopes, as irmãs não se vêem desde 1980 quando ele e a esposa se mudaram para Ponta Porã e a irmã, Maria Hilda dos Anjos, ficou na Capital.

De acordo com Lopes, ele e a esposa se mudaram por conta do trabalho que ele exercia, mas a Maria Hilda ficou e garantiu que sempre iria mandar noticias. “A última notícia que tivemos dela é que foi morar em Cuiabá, mas isso há mais de 26 anos”, garantiu.

O cunhado de Maria Hilda explica que a esposa está com a saúde debilitada e está perdendo a visão, por isso a vontade de encontrar a irmã. “O irmão que ela tinha morreu, acho que Maria nem sabe. Estamos tentando encontrar”.

Oraci explica que a esposa vai fazer 70 anos no dia 26 de março e a irmã deve ter 65 anos. Ele pede que quem souber informações de Maria Hilda ligue para 67 9193-3392.

Jornal Midiamax