Cotidiano

Energisa muda leitura e assusta clientes com faturas de energia elétrica

Em alguns casos valor deste mês subiu até 30%

Midiamax Publicado em 21/05/2015, às 14h37

None
leitura.jpg

Em alguns casos valor deste mês subiu até 30%

Um consumidor ficou surpreso ao receber a fatura de energia elétrica. Conforme o professor Paulo Cesar da Silva, que mora no Bairro Santo Amaro, na região oeste de Campo Grande, o susto não foi por conta do reajuste do valor e sim pelos nove dias cobrados a mais em virtude da mudança na data da leitura de consumo.

Segundo o professor, a leitura é realizada entre os dias 9 e 10 de cada mês, no entanto, ao receber a fatura referente a maio ele foi avisado sobre a mudança na data da leitura. “Além do aumento drástico, eles resolvem mudar a data e não avisam nada. Neste mês me preparei para receber uma conta inferior ao valor pago no mês passado porque viajei e economizei. Eles tinham ao menos de avisar antes. Fomos pegos de surpresa“, destaca.

 Com a mudança, o professor afirma que pagará um terço a mais do que seria cobrado, caso a leitura fosse feita até o dia 10. “É um absurdo. Eles justificam que é para que haja melhorias na rota de leitura, mas não sei quais melhorias são essas. Posso até estar enganado, mas para mim isso é uma jogada econômica porque faz todo mundo pagar um terço a mais adiantado. Mandam a gente economizar e só vemos o aumento”, lamenta.

 A assessoria de comunicação da Energisa, concessionária responsável pela distribuição de energia em Mato Grosso do Sul, explica que neste mês foi dado início ao projeto de ajuste de rota de leitura da empresa na Capital e que a ação é consequência de um levantamento feito em 2014 que mostrou a necessidade de melhorar a ordem de leitura de medidores nos bairros para facilitar a identificação das unidades consumidoras. A promessa é de que com a mudança, o atendimento seja mais rápido.

Segundo a assessoria de comunicação, para alguns consumidores, a fatura entregue no primeiro mês das novas rotas poderá ser referente a uma quantidade de dias maior ou menor que o seu ciclo normal. A Energisa ressalta que a mudança está em conformidade com o artigo 84 da Resolução Aneel 414/2010 que diz que o valor da fatura poderá ser superior, se for lido mais dias de consumo, ou inferior, se forem lidos menos dias de consumo.

A assessoria diz que o cliente é comunicado sobre o ajuste de rota com um ciclo de antecedência. E ressalta que nos casos onde houver alteração da data de leitura, o cliente não receberá a fatura atrasada ou vencida. A Energisa assegura que as datas de vencimento serão ajustadas, o vencimento da fatura será sempre de cinco dias úteis após a entrega da fatura.

Os consumidores que desejarem mais esclarecimentos sobre o ajuste de rota, ou uma melhor opção para pagamento da fatura, podem solicitar alterações, pessoalmente, nas agências de atendimento ou obter mais informações no Canal de Atendimento call center que atende 24 horas por meio do telefone: 0800 722 7272.

WhatsApp: fale com os jornalistas do Jornal Midiamax

O leitor enviou as informações ao WhatsApp da redação, no número (67) 9207-4330. O canal de comunicação serve para os leitores falarem diretamente com os jornalistas do Jornal Midiamax. Flagrantes inusitados, denúncias, reclamações e sugestões podem ser enviados com total anonimato garantido pela lei.

Jornal Midiamax