Cotidiano

Demora em postos de saúde gera reclamações neste domingo

Com dor, leitora reclama de médico

Midiamax Publicado em 04/10/2015, às 17h35

None
upa2.jpg

Com dor, leitora reclama de médico

Pacientes esperando desde as 7h, até agora, por atendimento, e outros desistindo apesar das condições físicas debilitadas. Essa é a situação relatada por uma leitora do Midiamax sobre a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) Vila Almeida, em Campo Grande, neste domingo. A redação também recebeu queixas sobre falta de médico no posto de saúde do bairro Guanandi.

De acordo com a leitora que está no Vila Almeida, e pediu para não ser identificada, não havia médico no local e o que chegou estava conversando e não atendendo os pacientes. No Guanandi, o leitor, que também pediu para não ter o nome divulgado, disse que a informação dos funcionários é que só haverá médico depois das 19 horas.

Segundo ele, as pessoas estão desistindo e indo embora, mesmo quadro relatado pela leitora que está na UPA Vila Almeida. Ela disse que procurou o local por estar com suspeita de infecção urinária. “Estou com dor e até agora, desde as 10h, não fui avaliada pelo médico, mas tem gente em situação ainda pior, que está aqui desde as 7h. Outros não aguentaram esperar e foram embora.

A redação fez contato com a unidade de saúde e a resposta foi que só a comunicação da Prefeitura poderia falar a respeito. O pedido de informação já foi feito para a assessoria de imprensa, e ainda não houve resposta.

WhatsApp: fale com os jornalistas do Jornal Midiamax

O leitor enviou as informações ao WhatsApp da redação, no número (67) 9207-4330. O canal de comunicação serve para os leitores falarem diretamente com os jornalistas do Jornal Midiamax. Flagrantes inusitados, denúncias, reclamações e sugestões podem ser enviados com total anonimato garantido pela lei.

Jornal Midiamax