Cotidiano

Concessionária diz que número de mortes em acidentes na BR-163 caiu 39%

Expectativa é de que número de acidentes continuem diminuindo

Wendy Tonhati Publicado em 24/11/2015, às 11h52

None
313721b8-d461-43c3-bc9b-9a079a7336f5.jpg

Expectativa é de que número de acidentes continuem diminuindo

A CCR MS Via, concessionária que administra a BR-163, divulgou nesta terça-feira (24) que houve uma redução de 39% no número de acidentes com mortes, no último ano. O dado leva em conta o ano operacional da empresa, ou seja, o segundo ano de operação teve início no último 12 de outubro. 

Conforme a CCR MS Via, a expectativa é de queda para os próximos meses. Por já ter fechado um ano de operação, agora a empresa diz que vai ser  possível estabelecer tendências e estudar resultados dos trabalhos que vêm sendo realizados pelo Sau (Serviço de Atendimento ao Usuário). Anteriormente, a CCR MS Via fazia comparação com números da PRF (Polícia Rodoviária Federal).

De acordo com o levantamento da equipe de Inteligência do Atendimento da CCR MSVia, as ocorrências registradas na rodovia mostram tendência de queda, Conforme o SAU, foi registrado entre 11/10/14 e 31/10/15 um total de 145.448 atendimentos, a maioria referente à retirada de objetos da pista: 42.451 casos, Concessionária diz que número de mortes em acidentes na BR-163 caiu 39%quase 30% do total. 

Eventos de socorro mecânico aparecem na sequência com 38.116 registros. Desse total, as panes mecânicas são campeãs, com 24.013 atendimentos, correspondendo a 16,5%. Logo atrás aparecem os casos de pneu furado, 5.775 (4%), seguidos pelas panes secas com 3.583 eventos (2,5%). Superaquecimento do motor e pane elétrica registraram 2.108 (1,4%) e 1.669 (1,1%), respectivamente. Por fim, aparecem os casos de bateria descarregada com 968 atendimentos (0,7% do total).

Jornal Midiamax