Cotidiano

Campo Grande pode ter chuva rápida na próxima segunda, mas seca continua

Pode chover rapidamente em Campo Grande, com 5 a 10 milímetros de precipitação, entre os próximos dias 13 e 14 (segunda e terça) deste mês, segundo o meteorologista Natálio Abraão, da Estação Meteorológica Anhanguera/Uniderp. Até lá não há previsão de chuva. A chuva leve pode cair decorrente a uma mudança que deixará o tempo parcialmente nublado. Depois […]

Arquivo Publicado em 08/09/2010, às 20h23

None

Pode chover rapidamente em Campo Grande, com 5 a 10 milímetros de precipitação, entre os próximos dias 13 e 14 (segunda e terça) deste mês, segundo o meteorologista Natálio Abraão, da Estação Meteorológica Anhanguera/Uniderp. Até lá não há previsão de chuva.

A chuva leve pode cair decorrente a uma mudança que deixará o tempo parcialmente nublado. Depois dessa data não há previsão de chuva até aos dias 20 e 25 deste mês.

Já no Sul e Sudoeste de Mato Grosso do Sul existe a possibilidade de chuva entre os dias 11 e 14 deste mês. No norte do Estado, que é influenciado pela umidade da Bacia Amazônica, a previsão é a de que o tempo seco ultrapasse os 100 dias.

Neste momento em Campo Grande faz 31°C com 28% de umidade, Chapadão do Sul 32ºC com 29%, Coxim 36ºC com19º, Angélica 30ºC com 28% e Maracaju 30ºC com 32% de umidade.

A falta de chuva se dá por conta de uma massa de ar quente que cobre quase toda o Centro-Oeste. A pressão de ar quente desloca a umidade para regiões que estão com baixa pressão.

Jornal Midiamax