Brasil

Com antecipação de insumos, Fiocruz assegura entrega de remessas das vacinas em junho

Ingrediente para fabricar vacinas contra Covid-19 chegam no sábado (22)

Dândara Genelhú Publicado em 18/05/2021, às 15h14

Processo de envase das vacinas.
Processo de envase das vacinas. - Foto: Reprodução | Fiocruz.

Com a antecipação da chegada do IFA (Ingrediente Farmacêutico Ativo), a Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz) garante entrega de novos lotes para junho. A nova remessa de insumos deve chegar neste sábado (22) e será usado para produção da vacina Astrazeneca, contra Covid-19.

A previsão de chegada era em 29 de maio. Com a antecipação, a Fiocruz disse que no próximo sábado já terá insumos suficientes para produção de cerca de 12 milhões de doses de vacina.

“Com as novas remessas, as entregas de vacinas estão asseguradas até a terceira semana de junho”, garantiu a Fundação. Por conta da produção acelerada da Fiocruz, os insumos que tinham chegado ao Brasil foram usados por completo.

Assim, haverá necessidade de interromper a produção na próxima quinta-feira (20) até a chegada do novo lote de insumo. “Não há ainda previsão de que isso possa gerar qualquer impacto em entregas futuras”, garatiu a Fundação.

Jornal Midiamax