Brasil

Restrições de voos do Reino Unidos começam a valer nesta sexta no Brasil

Por conta de uma nova mutação do coronavírus, a partir desta sexta-feira (25) começa a restrição de voos vindo do Reino Unido. Está proibido a entrada no Brasil os aviões com origem da Inglaterra, Escócia, País de Gales e Irlanda do Norte nos últimos 14 dias. Esta restrição é uma medida para conter a entrada […]

Carolina Rocha Publicado em 25/12/2020, às 09h01

- Foto: Reprodução
- Foto: Reprodução - - Foto: Reprodução

Por conta de uma nova mutação do coronavírus, a partir desta sexta-feira (25) começa a restrição de voos vindo do Reino Unido. Está proibido a entrada no Brasil os aviões com origem da Inglaterra, Escócia, País de Gales e Irlanda do Norte nos últimos 14 dias.

Esta restrição é uma medida para conter a entrada das duas mutações identificadas do novo coronavírus, no Reino Unido. Todas as regras, para quem alguém que esteja lá possa entrar no Brasil, foram publicadas nesta última quinta-feira (24) no Diário Oficial da União. Todas as medidas estão atendendo a recomendação da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária).

Além dos voos, esta prevenção proíbe a entrada de estrangeiros através de via terrestre ou transporte aquaviário. Como exceção, brasileiros natos ou naturalizados, imigrantes com residência definitiva no país, profissionais estrangeiros em missão e funcionários estrangeiros ligados ao governo brasileiro, poderão entrar no Brasil.

Além do Reino Unidos, a partir do próximo dia 30, passageiros vindos de outro país terão que apresentar o resultado negativo para coronavírus, para conseguir entrar no Brasil. O exame precisa ser feito até 72 horas antes do embarque e do tipo PCR. Podem entrar sem teste crianças de 2 e 12 anos, desde que os seus acompanhantes estejam negativados.

Jornal Midiamax