Brasil

No Brasil, 31.790 profissionais de saúde contraíram covid-19

O secretário-substituto de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde, Eduardo Macário, participa de entrevista no Palácio do Planalto sobre o enfrentamento à pandemia de covid-19 no Brasil. Ele apresentou dados captados pelo SUS Notifica, sistema criado no início da pandemia para reunir os dados sobre o novo coronavírus no país. Segundo o secretário, até o […]

Agência Brasil Publicado em 14/05/2020, às 17h31

Imagem ilustratica(Foto: Ilustrativa/ Amanda Perobelli/Reuters)
Imagem ilustratica(Foto: Ilustrativa/ Amanda Perobelli/Reuters) - Imagem ilustratica(Foto: Ilustrativa/ Amanda Perobelli/Reuters)

O secretário-substituto de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde, Eduardo Macário, participa de entrevista no Palácio do Planalto sobre o enfrentamento à pandemia de covid-19 no Brasil. Ele apresentou dados captados pelo SUS Notifica, sistema criado no início da pandemia para reunir os dados sobre o novo coronavírus no país.

Segundo o secretário, até o momento foram identificados 199.768 profissionais de saúde com suspeita de covid-19. Destes, 31.790 foram confirmados e 114.301 estão em investigação. Outros 53.677 descartados. Do total dos casos suspeitos, as modalidades mais atingidas são técnicos ou auxiliares de enfermagem (34,2%), enfermeiro (16,9%), médico (13,3%), recepcionista (4,3%).

No boletim divulgado ontem (13) pelo Ministério da Saúde, o Brasil registrava 13.149 mil mortes por covid-19. Já os novos casos confirmados totalizaram 188.974. Do total de casos confirmados, 97.402 (51,4%%) estão em acompanhamento e 78.424 (41,5%) foram recuperados. Há ainda 2.050 mortes em investigação.

Jornal Midiamax