Brasil

Das 27 capitais do país, 18 terão segundo turno nas eleições de 2020

Das 27 capitais do Brasil, os eleitores de 18 delas irão retornar as urnas para definir o segundo turno das eleições municipais de 2020, que ocorrerá no próximo dia 29. Ao todo, 57 cidades do Brasil irão para o segundo turno, número que representa 60% do total de munícios onde o existe a possibilidade de […]

Gabriel Neves Publicado em 16/11/2020, às 08h59

Imagem ilustrativa. (Foto: Reprodução/ A Gazeta)
Imagem ilustrativa. (Foto: Reprodução/ A Gazeta) - Imagem ilustrativa. (Foto: Reprodução/ A Gazeta)

Das 27 capitais do Brasil, os eleitores de 18 delas irão retornar as urnas para definir o segundo turno das eleições municipais de 2020, que ocorrerá no próximo dia 29.

Ao todo, 57 cidades do Brasil irão para o segundo turno, número que representa 60% do total de munícios onde o existe a possibilidade de uma segunda rodada de votação.

Em alguns casos específicos as datas das eleições sofreram algum tipo de modificação. Em Macapá as eleições foram suspensas por conta dos apagões.

Já em Duque de Caxias e Volta Redonda, o segundo turno depende da justiça, já que os candidatos estão “sub judice”, ou seja, tiveram as candidaturas indeferidas, mas ainda recorrem, segundo dados do portal G1.

Entre as capitais, aquelas que passarão por segundo turno são:

Aracaju (SE): O atual prefeito Edvaldo Nogueira (PDT) e Danielle Garcia (Cidadania) vão disputar o 2º turno.

Belém (PA): Edmilson Rodrigues (PSOL) e Delegado Eguchi (Patriota) vão disputar o 2º turno

Boa Vista (RR): Arthur Henrique (MDB) e Ottaci (Solidariedade) vão disputar o 2º turno.

Cuiabá (MT): o atual prefeito, Emanuel Pinheiro (MDB), vai disputar o 2º turno com Abílio Júnior (Podemos).

Fortaleza (CE): Sarto Nogueira (PDT) e Capitão Wagner (Pros) vão disputar o 2º turno.

Goiânia (GO): Maguito Vilela (MDB) e Vanderlan Cardoso (PSD) vão disputar o 2° turno.

João Pessoa (PB): Cícero Lucena (Progressistas) e Nilvan Ferreira (MDB) vão disputar o 2° turno.

Maceió (AL): Alfredo Gaspar (MDB) e Jhc (PSB) vão disputar o 2º turno.

Manaus (AM): Amazonino Mendes (Podemos) vai disputar o 2º turno com David Almeida (Avante).

Porto Alegre (RS): Sebastião Melo (MDB) e Manuela d’Ávila (PCdoB) vão disputar o 2° turno.

Porto Velho (RO): o atual prefeito, Hildon Chaves (PSDB), vai disputar o 2º turno com Cristiane Lopes (PP).

Recife (PE): João Campos (PSB) e Marília Arraes (PT) vão disputar o 2° turno.

Rio Branco (AC): Socorro Neri (PSB), atual prefeita, vai disputar o 2º turno com Tião Bocalom (PP).

Rio de Janeiro (RJ): o atual prefeito, Marcelo Crivella (Republicanos), vai disputar o 2º turno com Eduardo Paes (DEM).

São Luís (MA): Eduardo Braide (Podemos) e Duarte Júnior (Republicanos) vão disputar o 2º turno.

São Paulo (SP): o atual prefeito, Bruno Covas (PSDB), vai disputar o 2º turno com Guilherme Boulos (PSOL).

Teresina (PI): Dr. Pessoa (MDB) e Kleber Montezuma (PSDB) vão disputar o 2º turno

Vitória (ES): Delegado Pazolini (Republicanos) e João Coser (PT) vão disputar o 2º turno.

Campo Grande

Em Campo Grande, Marquinhos Trad (PSD) recebeu 218,418 mil votos e foi reeleito prefeito da cidade com 52,58%, segundo apuração das eleições 2020.

Em segundo lugar, Sérgio Harfouche (Avante) recebeu 11,58% (48.094 votos) e Pedro Kemp (PT), em terceiro, com 8,32% (34.546 votos).

Jornal Midiamax