Brasil

Oposição diz que já tem 200 assinaturas para criar CPI que investigará BNDES

Os parlamentares querem investigar se houve irregularidades em alguns dos contratos firmados pela instituição 

Clayton Neves Publicado em 16/04/2015, às 16h50

None
bndes.jpg

Os parlamentares querem investigar se houve irregularidades em alguns dos contratos firmados pela instituição 

No mesmo dia em que o presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Luciano Coutinho, presta depoimento na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Petrobras, parlamentares de quatro partidos da oposição anunciaram que vão protocolar o pedido de abertura de uma CPI para investigar contratos de financiamentos concedidos pelo banco.

O deputado Júlio Delgado (PSB-MG) disse, há pouco, que vai aproveitar o depoimento de Coutinho, nesta quinta-feira (16), para anunciar que já foram recolhidas quase 200 assinaturas para a abertura da CPI. As investigações dependem agora da conferência das assinaturas reunidas pelo PPS, DEM, PSDB e PSB.

Os parlamentares querem investigar se houve irregularidades em alguns dos contratos firmados pela instituição desde 2006 até hoje.

Jornal Midiamax