Hospital Universitário deixa de fazer cirurgias eletivas por falta de compressas

Entrega prevista para a próxima segunda
| 07/04/2017
- 00:26
Hospital Universitário deixa de fazer cirurgias eletivas por falta de compressas

Entrega prevista para a próxima segunda

O cancelou as cirurgias eletivas e de urgência no Centro Cirúrgico e Centro Obstétrico por falta de compressas. O atendimento de novos pacientes no Pronto Atendimento Médico e na Maternidade também foram suspensos. A falta do material foi informado pelo HU nesta quinta-feira (06) por meio de nota. 

O hospital afirma que a compra de novas compressas cirúrgicas foi feita na última sexta-feira (31), com recursos oriundos do SUS (Sistema Único de Saúde) porém, o fornecedor não tinha o material para pronta-entrega e deu a previsão de entrega para a próxima segunda-feira (10).

A direção também disse em nota que tentou mas não conseguiu o empréstimo de compressas com hospitais de Campo Grande, Estado e com a Secretaria Municipal de Saúde.

De acordo com o HU, o cancelamento das cirurgias e suspensão de atendimentos a novos pacientes é necessária para que não haja prejuízo à assistência dos pacientes que já estão internados, pois as compressas são fundamentais.

O material é utilizado para enxugar o sangue em cirurgias e partos, permitindo aos médicos e enfermeiros realizarem os procedimentos com a melhor precisão possível.
A Secretaria Municipal de Saúde, a Secretaria Estadual de Saúde Pública, o Samu, a Central Estadual de Vagas, a

Central Municipal de Vagas, o Ministério Público do Estado de Mato Grosso do Sul e o Conselho Regional de Medicina foram comunicados através do Ofício Circular nº 21/2017.

Veja também

O termo superalimento, usado para designar alimentos que possuem propriedades e benefícios superiores e diversificados,...

Últimas notícias