Simpósio sobre Síndrome de Down começa nesta sexta-feira na Capital

 As inscrições devem ser feitas pela internet
| 23/07/2015
- 23:33
Simpósio sobre Síndrome de Down começa nesta sexta-feira na Capital

 As inscrições devem ser feitas pela internet

Nesta sexta-feira (24) e sábado (25) acontece o 1º Simpósio sobre Síndrome de Down: do nascimento à idade adulta, em Campo Grande. A expectativa da organização é receber cerca de mil pessoas no evento que acontece no Centro de Convenções Rubens Gil de Camilo. As inscrições devem ser feitas pela internet.

Familiares de crianças e adolescentes com síndrome de down, médicos, professores e acadêmicos vão discutir durante os dois dias de evento temas relacionados à educação, saúde e inclusão social. Além de informações atualizadas, serão apresentados casos de superação, de avanços e sucessos de pessoas com SD.

Na abertura do evento, às 08h dessa sexta-feira, haverá show com a dupla sertaneja Gilson e Júnior. Ainda pela manhã, haverá palestras e mesa redonda sobre o desenvolvimento neuropsicomotor. À tarde, haverá palestras com cardiopediatra, ortopedista, fisioterapeuta e oftalmologista sobre diagnóstico e tratamentos para doenças associadas à síndrome.

Encerrando as discussões de amanhã, serão oferecidos cursos de atualização para profissionais na área de saúde com a pediatra Ana Cláudia Brandão e na área de educação com a pedagoga Rosana Cintra, pós-doutora em Educação pela Universidade de Lisboa.

O simpósio vai reunir 25 palestrantes, entre eles dois médicos com reconhecimento nacional pela atuação e pesquisas sobre a síndrome. A pediatra Ana Cláudia Brandão, coordenadora do Centro Integrado de Atendimento à Criança e ao Adolescente com Síndrome de Down do Hospital Albert Einstein e o pediatra e geneticista Zan Mustacchi, doutor e mestre pela USP responsável pelo ambulatório de genética do Hospital Infantil Darcy Vargas e presidente do Instituto Ibero-americano de Pesquisas e Diretrizes de Atenção à Síndrome de Down.  

No sábado, especialistas vão discutir em mesa redonda a alimentação, nutrição e suplementação de pacientes com síndrome de down. O debate terá a participação do geneticista Zan Mustacchi, que também fará palestra pela manhã. À tarde, as discussões continuam com temas como Disfunções Endócrino-Metabólicas e Inclusão na família, escolas e outros setores da sociedade, bem como a inserção no mercado de trabalho; promoção da autonomia; e independência social.

“Vamos ter de tudo nesses dois dias de evento, de informação, desde a hora da noticia quando é dada a família, alimentação, nutrição, suplementação, disfunções endócrino-metabólicas, até os direitos e inclusão das crianças e adultos com a Síndrome de Down” afirma Caroline Quarteiro, organizadora do simpósio.

A programação completa do evento pode ser conferida aqui.

 

O que é a Síndrome de Down?

A Síndrome de Down ou Trissomia 21 é uma condição cromossômica causada por um cromossomo extra no par 21. Pessoas com a Síndrome de Down têm 47 cromossomos, pois têm três cópias do cromossomo 21, ao invés de duas. Esta cópia extra de cromossomo faz com que as pessoas com a Síndrome de Down tenham características físicas semelhantes, estejam sujeitos a algumas doenças e apresentem deficiências intelectual e de aprendizado. No entanto, as pessoas com a Síndrome têm uma personalidade única, muitos estabelecem uma comunicação consideravelmente boa e também são sensíveis e interessantes. Quase sempre o nível de acometimento dos sintomas é proporcional ao estímulo dado a essas crianças durante a infância.

 De acordo com dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia Estatística), o Brasil possui cerca de 300 mil pessoas com Síndrome de Down.

Veja também

O box de banheiro é uma das atualizações mais populares nos banheiros hoje em dia....

Últimas notícias