Novos tripulantes chegam à estação espacial após dois meses de atraso

A chegada faz com que a estação espacial volte à sua capacidade máxima de 6 tripulantes
| 23/07/2015
- 15:59
Novos tripulantes chegam à estação espacial após dois meses de atraso

A chegada faz com que a estação espacial volte à sua capacidade máxima de 6 tripulantes

Uma cápsula espacial russa Soyuz levando três novos tripulantes para a Estação Espacial Internacional chegou ao posto avançado orbital na quarta-feira, após um atraso de dois meses no lançamento, de acordo com uma transmissão da Nasa.

O veterano cosmonauta russo Oleg Kononenko e os astronautas novatos Kjell Lindgren, da Nasa, e Kimiya Yui, do Japão, partiram a bordo de um foguete russo Soyuz às 18h02 (horário de Brasília) do cosmódromo de Baikonur, no Cazaquistão.

O grupo chegou à estação menos de seis horas depois do início de uma missão que terá duração total de cinco meses no espaço, trabalhando em um laboratório de 100 bilhões de dólares que opera cerca de 400 quilômetros acima da Terra.

O trio iria viajar em maio, mas a Rússia adiou a missão após um lançamento mal feito de um foguete Soyuz semelhante em 28 de abril. Esse acidente fez com que uma nave de carga Progress ficasse em uma órbita baixa demais para chegar à estação.

A chegada de Lindgren, Kononeko e Yui faz com que a estação espacial volte à sua capacidade máxima de 6 tripulantes pela primeira vez em seis semanas.

“Estamos ansiosos para vê-los”, disse o engenheiro de voo da estação norte-americana Scott Kelly durante entrevista a bordo na terça-feira.

Veja também

A contratação de um empréstimo pessoal é algo que já faz parte da vida do...

Últimas notícias