Carro do Google foi atingido por motorista distraído, diz a empresa

Vídeo do sistema de monitoramento mostra veículo sendo atingido parado
| 17/07/2015
- 22:57
Carro do Google foi atingido por motorista distraído, diz a empresa

Vídeo do sistema de monitoramento mostra veículo sendo atingido parado

O Google afirmou que o primeiro acidente envolvendo seu carro autônomo (sem motorista) que resultou em feridos leves foi causado por um motorista distraído ou que não estava olhando a via à frente. A colisão aconteceu no último dia 1º, na Califórnia, nos Estados Unidos, mas só veio a público na última quinta-feira (16), quando a empresa de tecnologia relatou o caso em um blog.

Segundo esse relato, o carro do Google foi atingido na traseira quando estava parado, aguardando os carros da frente cruzarem uma rua.

O sinal estava verde, mas o trânsito estava parado à frente e eles não quiseram fechar o cruzamento. Um carro que vinha atrás atingiu o Lexus (marca de luxo da Toyota) usado pelo Google a 27 km/h.

Os ocupantes do carro autônomo e o motorista do outro carro relataram dores musculares. Foi a primeira vez que um acidente envolvendo esse tipo de veículo causou algum dano a pessoas.

Um vídeo divulgado pelo Google no YouTube mostra a visão do sistema de monitoramento no momento da batida. Os blocos roxos, são os carros no entorno.

O relato foi feito pelo diretor programa de carros automatizados, Chris Urmson, que mantém o blog chamado “A vista do banco da frente do carro autônomo do Google”. Ele escreveu que o carro que atingiu o veículo autônomo “nem freou”.

“Como você pode ver no vídeo, nossa frenagem foi normal e natural, mas o veículo atrás do nosso tinha bastante distância para parar –só que nunca desacelerou”, diz Urmson. “Isso faz parecer que o motorista estava distraído ou não estava olhando para a via à frente dele.”

Segundo o diretor, o para-choque do Lexus autônomo teve apenas alguns arranhões. Mas o do outro carro, cuja marca não foi divulgada por Urmson, caiu.

 

Outros acidentes

Em junho, o departamento de trânsito da Califórnia detalhou outros 6 acidentes envolvendo carros autônomos ocorridos no estado desde setembro do ano passado. O estado é um dos poucos nos EUA que permite a circulação de carros sem motorista.

Segundo a agência de notícias Associated Press, as 6 ocorrências foram sem gravidade e não houve feridos: 5 envolveram veículos do Google e 1 da Delphi, fabricantes de componentes automotivos. A exemplo do caso recente do Google, motoristas de outros carros “comuns” foram apontados como culpados pelas colisões.

 

Carros já rodam sem motorista no mundo?

Além do Google, outras empresas têm projetos relacionados a carros sem motorista, a maioria delas são montadoras de veículos. Por ora, são apenas testes: nenhuma marca foi autorizada a comercializar esse tipo de carro.

Alguns estados dos EUA e países europeus autorizaram que veículos em teste circulem por vias públicas. Especialistas afirmam que a viabilidade dos carros autônomos depende, além da tecnologia desses veículos, de interação com sistemas de controle de tráfego das cidades e rodovias.

Veja também

Por mais que possa parecer, é sim, possível ter uma fonte de renda enquanto se diverte jogando em seu smartphone. Veja como ganhar dinheiro jogando no celular, transforme a sua diversão, em um extra, ou renda principal!

Últimas notícias