Sem Categoria

Mais de 2,7 mil flagrantes de alta velocidade nas rodovias de MS

Durante o final de semana que antecedeu o feriado prolongado do Dia do Trabalhador, a PRF (Polícia Rodoviária Federal) contabilizou uma morte e 2.734 flagrantes de alta velocidade nas rodovias federais que cortam Mato Grosso do Sul. O levantamento considera o início da operação na sexta-feira (27) até o último domingo (29). A morte aconteceu […]

Mariana Lopes Publicado em 01/05/2018, às 19h27 - Atualizado em 02/05/2018, às 08h11

None

Durante o final de semana que antecedeu o feriado prolongado do Dia do Trabalhador, a PRF (Polícia Rodoviária Federal) contabilizou uma morte e 2.734 flagrantes de alta velocidade nas rodovias federais que cortam Mato Grosso do Sul. O levantamento considera o início da operação na sexta-feira (27) até o último domingo (29).

A morte aconteceu na sexta-feira (27), às 18h50, na BR-267, em Maracaju – a 162 quilômetros de Campo Grande. A vítima era uma mulher de 46 anos e de origem indígena. Ela percorria a rodovia à pé quando foi atropelada. Ela morreu no local.

Além da morte, nestes 3 dias, a PRF registrou um total de 20 acidentes, sendo 5 graves e 34 pessoas feridas.

Em nota para a imprensa, a PRF ressalta que ao longo das Operações em períodos de feriados prolongados, o abuso da velocidade é sempre preocupante. Também nestes três dias, foram 2.734 flagrantes de velocidade acima do indicado para a via. As ultrapassagens indevidas perfizeram um total de 108 autos de infração, sendo 104 cometidos em faixa dupla. Já o uso do álcool foram 17 flagrantes, destes, 13 foram constatados o uso do álcool.

Flagrante de ultrapassagem

Com ajuda de imagens fornecidas pela CCR, a PRF conseguiu identificar um motorista que foi flagrado realizando uma ultrapassagem indevida na BR-163, quilômetro 504. Na ocasião, o condutor de um Golf inicia uma ultrapassagem forçada e obriga o motorista de um Onix a sair da pista pela direita.

Segundo a PRF, o Golf foi acompanhado pelas câmeras da CCR e posteriormente ao acidente, foi abordado no posto policial de Naviraí. O condutor foi multado em R$ 1.915 e pode ter a CNH (Carteira Nacional de Habilitação) suspensa. Ele também será citado no boletim de ocorrência como causador deste acidente.

Jornal Midiamax