Sem Categoria

Ex-diretor da Fundesporte será quarto a ter cargos nos dois governos

Marido da vereadora Luiza Ribeiro também estará na gestão de Azambuja

Midiamax Publicado em 10/01/2015, às 14h54

None
wmx-1200x857x4-4dfbc4f91ac539df4cfbc6c9cfa34f47151ba4a94405c.jpg

Marido da vereadora Luiza Ribeiro também estará na gestão de Azambuja

O ex-diretor presidente da Fundação do Desporto e Lazer de Mato Grosso do Sul (Fundesporte), Flávio Brito, será mais um dos ex-diretores de André Puccinelli (PMDB) que também atuará na administração de Reinaldo Azambuja (PSDB).

O ex-diretor, que também é esposo da vereadora Luiza Ribeiro (PPS) e já presidiu a Funasa em Mato Grosso do Sul, será chefe de gabinete da Casa Civil, hoje comandada pelo braço direito de Reinaldo Azambuja, Sérgio de Paula.

Além de esposo de Luiza Ribeiro, Flávio Brito também é bastante ligado ao deputado federal Geraldo Resende (PMDB), que apoiou Reinaldo Azambuja no segundo turno em Mato Grosso do Sul. Foi Geraldo, inclusive, que o indicou para outros cargos na gestão de Puccinelli.

Flávio é o quarto a ganhar cargo de destaque no governo que passou e no atual. O secretário de Fazenda de Puccinelli, Jader Rieffe, será secretário adjunto de Fazenda; Deusdete de Oliveira, que era titula da Agepen, deve comandar a Polícia Militar. Já Édio de Souza Viegas ocupou a função de adjunto da secretaria de Administração na gestão de Puccinelli e terá mesma função com Azambuja.

Jornal Midiamax