Sem Categoria

Oito pessoas ficam feridas em acidente envolvendo quatro veículos na Capital

Uma mulher que estava no Fiat Uno, sofreu um corte na perna

Diego Alves Publicado em 28/12/2014, às 22h36

None
destaque_1.jpg

Uma mulher que estava no Fiat Uno, sofreu um corte na perna

Oito pessoas ficaram feridas em um acidente no cruzamento da Avenida Gabriel Spipe Calarge com a Rua do Hipódromo, na região do Bairro Parati, em Campo Grande. Ao todo o acidente envolveu um veículo Fiat Uno (HRJ-4084), um VW Gol (HRJ-8543), um Fiesta (HRY-2837) e uma motocicleta que foi retirada do local.

No último dia 20 de novembro, o motociclista Lucas Rafael de Souza, 21 anos morreu no mesmo cruzamento, em um acidente que também envolveu um caminhão.

Uma mulher que estava como passageira e ficou presa às ferragens de um Fiat Uno sofreu um corte na região da perna foi levada consciente para a Santa Casa. Todos os outros sete envolvidos sofreram ferimentos e também foram levados para a Santa Casa.

De acordo com testemunhas, o veículo Uno transitava na Gabriel Spipe Calarge e o Gol, pela Rua do Hipódromo quando o último não teria respeitado a sinalização de Pare, momento em que atravessou a preferencial. Posteriormente, houve batidas em sequências, já que os outros veículos envolvidos também trafegavam na preferencial.

No Fiat Uno havia quatro pessoas, no Gol somente o motorista, na motocicleta duas pessoas, sendo uma criança que estava na garupa e teve algum dos dentes quebrados e no Fiesta estava o condutor.

Lourenço Francisco da Silva de 70 anos, que mora próximo ao local, disse que escutou um barulho e foi ao local ver o que ocorreu, já que um sobrinho havia acabado de sair de casa.

Ele ficou aliviado em saber que ele não era vítima do acidente. “Faltam um dois quebra-molas aqui”, diz Lourenço sobre a via, que segundo ele é perigosa por conta da alta velocidade que muitos veículos transitam.

Acidente fatal

Lucas Rafael de Souza seguia pela Gabriel Spipe Calarge, quando foi colhido pelo motorista do caminhão que invadiu a preferencial.

Com a colisão, o motociclista foi arremessado há seis metros e bateu com a cabeça no meio fio. Já o veículo dele, uma Honda Titan CG 125, preta, placa DHE-4638, de São Vicente (SP), foi jogada há doze metros.

Com o impacto, o capacete da vítima se partiu ao meio, mesma lesão que ocorreu na cabeça do motociclista, identificado como Lucas Rafael de Souza, de 21 anos. Em cinco minutos, equipes do Corpo de Bombeiros estiveram no local.

Foram quase dez minutos de tentativa de reanimação, porém a vítima não resistiu. Houve grande perda de sangue. A tentativa também foi realizada pelos atendentes do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência).

O motorista do caminhão baú, Mercedes Benz, azul, placas KAA-9249, de Tangará da Serra (MT), foi identificado como, Gerson Sanches do Amaral, de 30 anos. Ele permaneceu pelo local o tempo todo e foi encaminhado há pouco para a delegacia da região.

O condutor havia saído de uma transportada que há na região, onde o caminhão pertence, e a poucos metros se envolveu na colisão.

Jornal Midiamax