Sem Categoria

Dólar fecha em queda, mas acumula alta de 12,78% em 2014

Moeda norte-americana encerrou o ano com valorização de 12,78%.

Clayton Neves Publicado em 30/12/2014, às 19h27

None

Moeda norte-americana encerrou o ano com valorização de 12,78%.

O dólar fechou em queda frente ao real nesta terça-feira (30), na última sessão do ano.  A queda foi de 1,78%, a R$ 2,6587 na venda.

Em 2014, a moeda acumulou valorização de 12,78%, em relação ao fechamento de 2013, no dia 30 de dezembro, quando o dólar encerrou cotado a R$ 2,3575. A maior cotação do ano foi de R$ 2,7355, no último dia 16 de dezembro.

Na mínima do dia, a cotação foi a R$ 2,6506, menor patamar diário desde segunda-feira da semana passada (R$ 2,6455). Ao bater a mínima, o dólar recuou 2,09%, maior queda percentual durante os negócios desde 21 de novembro, quando caiu 2,58%.

Operadores promoveram ajustes finais de posições, de olho na definição da Ptax de fechamento do mês, que serve de referência para a liquidação de contratos futuros e outros derivativos.

A tradicional “briga” entre comprados e vendidos, que ganhou força na segunda-feira, nesta terça-feira teve os vendedores de dólar como predominantes. “A briga pela Ptax gera muita volatilidade no mercado. É quase um movimento irreal”, disse à Reuters o profissional da área de câmbio de uma corretora.

O mercado seguiu ainda na expectativa pela definição dos parâmetros do programa de leilões de câmbio no começo de 2015. Atualmente, o Banco Central oferta diariamente até US$ 200 milhões em contratos de swap cambial.

O presidente do BC, Alexandre Tombini, afirmou que a “ração” ficará entre US$ 50 milhões e US$ 200 milhões, mas até o momento o BC não especificou o montante e as condições das ofertas.

Nesta véspera (29), o dólar fechou em alta, com investidores aguardando detalhes sobre o programa de intervenção no câmbio do Banco Central. A moeda subiu 1,23% em relação ao real, cotada a R$ 2,7071 na venda.

Jornal Midiamax