Sem Categoria

Câmara aprova e moradores questionam alto custo de Carnaval em Bonito

Foi aprovado pela Câmara de Vereadores de Bonito, o projeto do executivo em que a prefeitura irá repassar R$ 351 mil ao Instituto para o Desenvolvimento de Mato Grosso do Sul, de Dourados, para promover o carnaval aos bonitenses e turistas que lotam a cidade. Porém, o valor foi questionado pela oposição que foi vencida […]

Arquivo Publicado em 27/02/2014, às 18h35

None

Foi aprovado pela Câmara de Vereadores de Bonito, o projeto do executivo em que a prefeitura irá repassar R$ 351 mil ao Instituto para o Desenvolvimento de Mato Grosso do Sul, de Dourados, para promover o carnaval aos bonitenses e turistas que lotam a cidade.

Porém, o valor foi questionado pela oposição que foi vencida por três votos a sete. Segundo o vereador João Ligeiro (PDT), no projeto não estão discriminados o destino dos valores. “Por exemplo, diz que será pago R$ 30 mil em hospedagem, mas não fala para quantas pessoas, nem onde nem quando”, afirmou.

O detalhamento também não é visto nos itens de alimentação, segurança, publicidade. “Também vão pagar um valor absurdo em projeto de infraestrutura e outro valor no palco, mas montar o palco não deve fazer parte da infraestrutura?”, questionou o vereador.

O médico Laércio Miranda questionou em sua página no Facebook que também serão pagos R$ 8.120 para camisetas. “A 15 reais daria para comprar no mercado em Bonito a bagatela de mais de 540 camisetas. Para serem distribuídas para quem? R$ 15 mil para organização. Ué!! essa entidade não é filantrópica, sem fins lucrativos? Porque os organizadores levam 15 mil?”, postou.

O jornalista Bosco Martins, também morador de Bonito, também criticou que segundo dados apurados no ano passado, o carnaval de 2013 na cidade custou três vezes menos do que neste ano. “A oposição não está contra o carnaval. Está contra quem está pegando o dinheiro público e superfaturando, pois nem é a Ivete Sangalo que vai cantar”, ironizou.

Em nota, a Prefeitura de Bonito esclareceu à imprensa que para a contratação foi feita todo o trâmite da licitação conforme manda a lei.

Jornal Midiamax