MPMS teve R$ 320 milhões em despesas brutas com pessoal nos últimos 12 meses, diz relatório

Foram R$ 251 milhões em despesas líquidas
| 24/05/2022
- 08:41
Sede do MPMS no Parque dos Poderes, em Campo Grande
Sede do MPMS no Parque dos Poderes, em Campo Grande. Foto: Assessoria

O (Ministério Público Estadual de Mato Grosso do Sul) teve R$ 320.408.634,80 em despesas brutas com pessoal de maio de 2021 a abril de 2022, conforme relatório de gestão fiscal e orçamento do último quadrimestre, divulgado no Diário Oficial desta terça-feira (24).

De acordo com o documento assinado pelo procurador-geral de Alexandre Magno Benites, ao todo, foram R$ 251.268.297,06 na soma final de despesas líquidas de pessoal. R$ 264.430.109,36 foram destinados ao pessoal ativo.

Com vencimentos, vantagens e outras despesas variáveis, o órgão ministerial desembolsou R$ 220.653.705,96. Com obrigações patronais, que sãos encargos administrativos como a contribuição previdenciária, foram R$ 43.776.403,40.

O MPMS ainda teve despesas de R$ 55.978.525,44 com inativos e pensionistas, sendo R$ 41.192.504,82 com aposentadorias e R$ 14.786.020,62 em pensões. Em despesas de exercícios anteriores ao da apuração, são mais R$ 13.161.812,30.

print despesas mpms - MPMS teve R$ 320 milhões em despesas brutas com pessoal nos últimos 12 meses, diz relatório
Relatório de despesas do MPMS. Foto: Reprodução

Diárias do MPMS

No mais recente balanço dos gastos com diárias, publicado em abril, referente ao mês de março, o MPMS pagou mais de R$ 160 mil. Conforme a publicação, o procurador-geral, o procurador-adjunto e os promotores não proporcionaram os maiores pagamentos no somatório, mas quando eles se deslocam para suas atividades fora de Campo Grande, os gastos – individuais – são os mais altos. 

Veja também

MPMS tem investido na decoração de sua estrutura, notadamente compra e instalação de persianas

Últimas notícias