MPMS reajusta contrato para pagar R$ 7,7 milhões por 6 meses de 'limpeza e manutenção'

Extrato do termo aditivo foi divulgado no Diário Oficial
| 28/04/2022
- 11:02
Sede do MPMS no Parque dos Poderes, em Campo Grande
Sede do MPMS no Parque dos Poderes, em Campo Grande. Foto: Leonardo de França

O MPMS (Ministério Público Estadual de Mato Grosso do Sul) reajustou contrato e vai pagar R$ 7,7 milhões à Orbenk Administração e , por seis meses de serviços de limpeza e manutenção. Detalhes da negociação foram divulgados no Diário Oficial desta quinta-feira (28).

Conforme extrato do décimo segundo termo aditivo, o valor foi reajustado no montante de R$ 1.299.350,24 por mês. O contrato foi assinado nesta quarta-feira (27), com vigência de seis meses até o dia 30 de outubro de 2022, totalizando R$ 7.796.101,44.

O reajuste está baseado no IPCA (Índice Nacional de Preços ao Amplo), considerando valor de insumos não ligados diretamente à mão de obra, além das ajudas de custo dada aos funcionários terceirizados que precisam de deslocamento.

Contratada pelo MPMS

A Orbenk atua no serviço de limpeza geral de prédios residenciais, comerciais e industriais. Realiza também atividades auxiliares de transporte, serviços de malote, fornecimento de alimentos, serviços administrativos, gestão de recursos humanos e tele atendimento, entre outros relacionados.

Veja também

'Penduricalhos' da instituição em Mato Grosso do Sul já somavam 12, um dos órgãos com mais verbas do Brasil

Últimas notícias