Aeronave de combate a incêndios custou R$ 16,5 milhões ao Imasul

Contrato subiu de R$ 14 milhões para R$ 16,5 milhões
| 16/02/2022
- 13:20
Corpo de Bombeiros tem duas aeronaves de combate a incêndios
Corpo de Bombeiros tem duas aeronaves de combate a incêndios - Renan Nucci, Jornal Midiamax

A aeronave Air Tractor de combate a incêndios, adquirida pelo Governo de , teve o custo de R$ 16,5 milhões, de acordo com contrato publicado pelo (Instituto de Meio Ambiente), nesta quarta-feira (16). 

Agsur Aeronaves, empresa de Montevidéu, no Uruguai, forneceu o avião. A aeronave, além de embarcações e viaturas foram passadas ao Corpo de Bombeiros na última segunda-feira (16). Mato Grosso do Sul é o 3º estado a adquirir uma aeronave como essa. 

Segundo o contrato, o avião foi projetado originalmente como aeronave de combate a incêndios florestais e homologado para este fim no órgão oficial do seu país de origem (fabricação), não podendo ser meramente adaptado para a atividade acima descrita.

A aeronave tem capacidade mínima do reservatório de água (principal agente extintor) de 3.000 litros e possui reservatório extra para o reservatório de espuma de no mínimo 60 litros.

O acordo entre a empresa e o Imasul foi assinado em agosto do ano passado, no valor de R$ 14 milhões, porém o contrato teve alteração de valor e subiu para R$ 16.500.000,00. De acordo com o Imasul, o aumento ocorreu devido à variação cambial. Confira a resposta na íntegra:

"O processo de aquisição da aeronave Air Tractor envolveu uma licitação internacional, com valores em dólar. A alteração contratual publicada no Diário Oficial do Estado é decorrente da variação cambial entre a data de assinatura do contrato de compra e a data de recebimento da aeronave".

 

Veja também

Serviço de mapeamento deve rastrear ocupações irregulares na Capital

Últimas notícias